O eixo viário denominado Nova Saída Norte está previsto no PDTU, com a finalidade de abarcar um sistema de transporte público coletivo em faixas exclusivas para ônibus, responsável por conectar a região de Sobradinho ao Plano Piloto por intermédio da 4°ponte sobre o lago Paranoá.

Paralelamente à solução de transporte, a implantação desta via é pensada como uma solução de desenvolvimento urbano e econômica ao possibilitar o acesso à nova vertente de ocupação da porção norte do Distrito Federal, cujo ponto focal é a implantação da 2ª Etapa do Setor Habitacional Taquari. A ocupação da Gleba A do Setor, que possui aproximadamente 703 ha, deverá ser norteada pelos usos residencial, institucional e produtivo, havendo indicações de áreas para térreo mais 2, 3 e 6 pavimentos e uma população máxima estimada da ordem de 35.150 habitantes.

São expectativas da TERRACAP em relação a Nova Saída Norte:

  • Ampliação e melhoria da qualidade da infraestrutura viária disponível, propiciando melhoria das condições de mobilidade e contribuindo para o desenvolvimento econômico e qualidade de vida da população;
  • Implantação de faixas exclusivas para o transporte coletivo que reduzirá o tempo gasto pelos cidadãos no trânsito;
  • Implantação da via e do setor conforme as exigências de sustentabilidade ambiental da região;
  • Ganhos ambientais e de saúde, considerando a potencial redução da emissão de poluentes em razão do Projeto;
  • Qualificação da integração entre o Plano Piloto e as Regiões Administrativas do Lago Norte, Itapoã, Paranoá, Varjão, Sobradinho e Planaltina;
  • Fomentação do desenvolvimento local que, no âmbito do Projeto, será ordenado e controlado segundo parâmetros urbanísticos modernos e eficientes;

16,5 km de extensão desde a L4 Norte até a BR-020, próximo a Sobradinho, sendo previstas 2 vias exclusivas para ônibus, 3 faixas por sentido para automóveis, 1 faixa por sentido para de ciclovia, incluindo 23 obras de arte especiais, dentre as quais estão as 2 pontes que atravessam o Lago Norte, viadutos e trincheiras.