Javascript de carregamento do Framework Jquery

O Conselho de Administração da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) aprovou, nesta quinta-feira (16/7), convênio que permitirá continuidade à revitalização da W3 Sul. O investimento previsto de R$ 18,8 milhões permitirá devolver à avenida e suas calçadas o movimento vívido do local, marca de Brasília até os anos 1980. O projeto contemplará as quadras 502, 503, 504, 505, 506, 507, 508, 513, 514, 515, e 516.

O convênio firmado entre a Terracap e a Secretaria de Estado de Obras e Infraestrutura prevê a readequação do sistema viário com estacionamentos, a acessibilidade e paisagismo, além de obras complementares de drenagem e sinalização nas quadras.

“Na prática, as intervenções, além de organizar o espaço público, irão trazer mais conforto e caminhabilidade aos pedestres, permitindo que a população possa, novamente, ter uma experiência prazerosa de lazer, convivência e consumo, pela via comercial da W3”, antecipa o presidente da Terracap, Izidio Santos.

As primeiras quadras a receberem as obras de revitalização são as 515/516 sul. A licitação já será próximo dia 18. Um dos destaques do projeto é a recuperação total das calçadas, que passará a ser única com piso igual em toda sua extensão, sem desníveis e totalmente adequada para o trânsito de pessoas.

“A licitação das quadras 515/516 Sul marca a continuidade do projeto de revitalização deste importante centro comercial da cidade. Nosso cronograma está mantido para que as obras em todas as quadras da W3 sejam iniciadas neste ano”, destaca o Secretário de Obras, Luciano Carvalho. “Todo o Governo está empenhado em dar continuidade ao processo para que possamos recolocar a W3 Sul no papel de importante centro comercial do DF”, acrescenta.

Prioridade de governo

Ainda em junho, eram as quadras 509/510 Sul que recebiam as obras de revitalização. Concretagem dos becos entre os blocos, limpezas das pedras portuguesas, piso intertravado, entre outras melhorias foram feitas no local, aproveitando a diminuição do fluxo dos pedestres, com o comércio fechado.  Já as quadras 511 e 512 Sul foram finalizadas ainda no início do ano. 

As intervenções são resultado de um trabalho conjunto de diversos órgãos do governo local. Cerca de 75% de todo o investimento aplicado nas obras da via W3 são oriundos da Terracap.

Nova experiência

Para atrair a população à comercial da W3 e estimular a circulação de pedestres no local, as o projeto previu conforto. A via já tem grande acessibilidade para quem usa transporte público, mas, para aqueles que utilizam veículo próprio, as melhorias começam no estacionamento: haverá organização das vagas, por meio da colocação de novo piso e da demarcação, inclusive para motos, idosos, pessoas com deficiência e áreas de carga e descarga. 

As quadras 511 e 512 sul, já revitalizadas, ficaram assim: as calçadas têm largura mínima de 2 metros de largura voltadas à W3 Sul, e de 1,2 metro para as que dão acesso às vias laterais. Os passeios voltados à W3 Sul foram divididos em três faixas. A faixa de serviço, mais próxima da pista, foi destinada à instalação de postes de iluminação, paraciclos, lixeiras e vasos de plantas. Nessa área, foi mantido o piso em pedras portuguesas.

Nas faixas livre e de acesso aos edifícios, por sua vez, o piso foi substituído por concreto. Essa medida garante mais resistência à ação do tempo. Um ponto importante foi a retirada de desníveis ao longo da calçada e a colocação de sinalização tátil para proporcionar uma circulação segura. As travessias (acesso às faixas de pedestres), por sua vez, seguiram as normas de acessibilidade universal, que estabelece inclinação máxima de 8,33% para as rampas.

Redesenho da área pública, iluminação com lâmpadas de LED e paisagismo também compuseram o novo visual das quadras.

 

Por meio de um convênio, a Terracap e a Secretaria de Obras e Infraestrutura darão continuidade às obras de revitalização da W3 Sul. Ao todo, serão 11 quadras restauradas. Com o investimento de R$ 18,8 milhões feito pela Terracap, será possível fazer a readequação do sistema viário com estacionamentos, acessibilidade e paisagismo, além de obras complementares de drenagem e sinalização das quadras.

Além de organizar o espaço público, as obras irão trazer mais conforto e caminhabilidade aos pedestres, permitindo que a população possa, novamente, ter uma experiência prazerosa de lazer, convivência e consumo, pela via comercial da W3

As primeiras quadras a receberem a revitalização são as quadras 515/516 sul.