Javascript de carregamento do Framework Jquery

Buscar

Total: 30 resultados encontrados.

  • BIOTIC inaugura laboratório permanente com experiências reais do 5G

    O futuro da internet móvel já chegou a Brasília. A BIOTIC S/A inaugurou nesta sexta-feira, 24 de julho, o primeiro ambiente de teste permanente da tecnologia 5G do Brasil. O vice-governador, Paco Britto, foi o primeiro a utilizar o laboratório com equipamentos conectados à rede, realizando conexão com uma fábrica de distribuição e logística em Sorocaba (SP), por meio da realidade virtual. O espaço fica no Parque Tecnológico de Brasília – Biotic, na Granja do Torto, e será aberto ao público com agendamento.

    De acordo com Britto, o caminho trilhado pelo governador Ibaneis Rocha mostrou que o sonho é possível. “Prova disso é que estamos aqui hoje, inaugurando a rede 5G no Parque Tecnológico. Mas que caminho é esse? O da inovação, de transformar Brasília em protagonista da área de tecnologia do País”, disse durante a cerimônia de inauguração. O vice-governador reiterou que a presença da rede 5G “dará ainda mais identidade à capital federal para concretizar a ideia de uma cidade digital, de uma cidade inteligente”.

    No laboratório permanente, os usuários poderão navegar e conhecer a quinta geração da internet, que promete ser até 100 vezes mais rápida do que a rede 4G. Para tanto, há dois smartphones disponíveis aos visitantes. Também no local, conforme testou o vice-governador, o visitante terá uma experiência com a Indústria 4.0 e a IoT (Internet das Coisas). Por meio da realidade virtual, é feita conexão com uma fábrica localizada em São Paulo. Em tempo real, é preciso ver todos os processos do centro que incluem a utilização de robôs para o envio automático de materiais para o armazenamento.

    Aberto ao público e de forma gratuita, as visitas ao local, porém, devem ser agendadas e sob demanda, respeitar as restrições sanitárias impostas pela pandemia do novo coronavírus.

    Durante discurso o presidente da Biotic S/A, Gustavo Dias Henrique, frisou que “O 5G está no debate mundial, porque vai revolucionar todo o ecossistema e a vida das pessoas”. Ele ressaltou que ambientes tecnológicos e inovadores como este, ampliam o estímulo ao desenvolvimento de soluções voltadas à Internet das Coisas e às Smart Cities, tornando Brasília uma cidade cada vez mais inteligente e inovadora.

    “Esse pioneirismo é apenas o primeiro passo para o grande projeto idealizado para o Parque Tecnológico de Brasília – Biotoc. Parabéns pelo ineditismo do espaço inaugurado hoje”, disse o presidente da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), Izidio Santos. A BIOTIC S/A é uma subsidiária integra da Terracap criada para a implantação do Parque Tecnológico, com o objetivo de cuidar da gestão, controle e estruturação do empreendimento.

    O 5G

    A tecnologia 5G possibilitará a conexão simultânea de aparelhos, permitindo ao usuário conectar até mil objetos em seu dispositivo móvel. A principal diferença da internet 5G é a menor latência, ou o menor tempo de resposta para transferir um pacote de dados na rede. A latência é diferente da velocidade. O 5G permite uma taxa de transmissão centenas de vezes maior do que a atual, com picos de até 20 Gbps e uma latência (teórica) de até 1 milissegundo - atualmente, com o 4G, a latência está perto de 80 milissegundos.

    A partir disso, em sua máxima potência, o 5G poderá entregar altíssimas velocidades de internet, latência ultrabaixa, maior confiabilidade e disponibilidade, o que aumentará a possibilidade de grandes inovações tecnológicas, conectando carros, casas e eletrodomésticos via internet. A nova rede promete consumir até 90% menos energia do que as redes 4G atuais.

    Leilão

    Os fabricantes de equipamentos e operadoras de telecomunicações avaliam que a licitação do 5G do Brasil será o maior leilão de radiofrequências da história do País e a maior oferta pública de capacidade para a tecnologia móvel de quinta geração no mundo.  Para se ter uma ideia, estimativas mostram que o 5G no Brasil deve movimentar cerca de R$ 1 trilhão em 15 anos no Brasil.

    “Certamente nós teremos o nosso leilão no primeiro trimestre de 2021. Estamos falando em algo que deve impulsionar a economia nos próximos dias e que deve realmente transformar a forma como lidamos com a tecnologia”, disse o secretário de Telecomunicações, do Ministério de Telecomunicações, Vitor Elísio Menezes, também presente no evento de inauguração. E acrescentou: “Não estamos falando de velocidades mais rápidas, mas estamos falando de ferramentas que vão transformar indústrias, que vão transformar os cuidados com a saúde, que vão transformar a segurança pública no País”.

    O laboratório 5G é resultado de uma parceria entre a BIOTIC S/A, com a Huawei e a Telefônica VIVO.

    Suzana Leite
    Assessoria de Comunicação Social
    Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap)
    ascom@terracap.df.org.br

    2020-07-25 01:15:57 - Cartilhas
  • Primeiro laboratório de testes 5G do Brasil é inaugurado na capital federal



    A capital federal ganha, nesta sexta-feira, 24 de julho, o primeiro ambiente de teste permanente da tecnologia 5G do Brasil. O laboratório 5G está localizado no Parque Tecnológico de Brasília – BIOTIC. O objetivo é criar uma experiência demonstrativa dos diversos usos da rede 5G, apresentando a tecnologia e a grande mudança que a quinta geração da internet representa em termos de inovação e potencial surgimento de novas soluções e empresas de base tecnológica. No local, o público poderá ter experiências gratuitas com smartphones e com a realidade virtual sob demanda.

    Respeitando os protocolos de segurança em função da pandemia causada pelo novo coronavírus, o evento contará apenas com a presença das autoridades do governo do Distrito Federal e representantes das empresas envolvidas, e será transmitido ao vivo, via internet, às 10h30, por meio do canal do Youtube da BIOTIC S/A e do GDF.

    O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, acredita que a chegada da tecnologia de forma definitiva, abre muitas possibilidades para a consolidação do DF como polo de desenvolvimento de soluções digitais. “O 5G é o futuro. Vai possibilitar a internet das coisas, a conexão ampla e isso terá reflexo imediato na criação de empregos e nas oportunidades para empreendedores. Brasília sai na frente com esse laboratório; quando o sistema for implantado no Brasil já estaremos bem preparados para avançar”, afirma Ibaneis Rocha.

    O presidente da BIOTIC/AS, Gustavo Dias Henrique, explica que o laboratório 5G no BIOTIC irá gerar um imenso valor ao ecossistema de inovação e ao empreendedorismo do Distrito Federal, uma vez que proporcionará experiências reais de como a rede 5G funcionará em sua totalidade quando o leilão ocorrer no Brasil. “Ambientes tecnológicos e inovadores como este, ampliam o estímulo ao desenvolvimento de soluções voltadas à Internet das Coisas e às Smart Cities, tornando Brasília uma cidade cada vez mais inteligente e inovadora”, destacou sobre as experiências que o usuário poderá ter no espaço 5G.

    O laboratório contará com equipamentos conectados à rede 5G em que o usuário poderá navegar e conhecer mais essa rede que promete ser até 100 vezes mais rápida do que a rede 4G. Além disso, será possível realizar uma conexão com uma fábrica de distribuição e logística, utilizando realidade virtual. Isso proporcionará uma experiência com a tecnologia voltada para a Indústria 4.0 e a IoT (Internet das Coisas), onde será possível ver, em tempo real, todos os processos do centro que incluem a utilização de robôs para o envio automático de materiais para o armazenamento. Tudo isso, graças a utilização da tecnologia 5G, que com sua baixa latência, grande largura de banda e conexão massiva, torna possível o aumento da eficiência operacional do armazém em até 50%.

    O presidente da Terracap, Izidio Santos, comenta que o mundo vive um momento delicado na economia causada pela pandemia do novo coronavírus. Para se ter uma ideia, pesquisa divulgada pela Confederação Nacional da Indústria, revela que 83% das empresas precisarão de mais inovação no pós-pandemia. “Esta acabará sendo a única saída de muitas empresas: a inovação. Aí entra essa experiência no laboratório 5G, que proporciona interação com a chamada Indústria 4.0 e outros conceitos como a Internet das Coisas. Tecnologias que certamente poderão trazer desenvolvimento, inteligência aos negócios e aumento significativo de produtividade”.

    A tecnologia 5G

    Diferente do 4G, a tecnologia 5G possibilitará a conexão simultânea de aparelhos, permitindo ao usuário conectar até mil objetos em seu dispositivo móvel. A principal diferença da internet 5G é a menor latência, ou o menor tempo de resposta para transferir um pacote de dados na rede. A latência é diferente da velocidade. O 5G permite uma taxa de transmissão centenas de vezes maior do que a atual, com picos de até 20 Gbps e uma latência (teórica) de até 1 milissegundo - atualmente, com o 4G, a latência está perto de 80 milissegundos.

    A partir disso, em sua máxima potência, o 5G poderá entregar altíssimas velocidades de internet, latência ultrabaixa, maior confiabilidade e disponibilidade, o que aumentará a possibilidade de grandes inovações tecnológicas, conectando carros, casas e eletrodomésticos via internet. A nova rede promete consumir até 90% menos energia do que as redes 4G atuais.

    Agendamento

    O laboratório 5G é um resultado de uma parceria entre a BIOTIC S/A, subsidiária da Terracap, com a Huawei e a Telefônica VIVO e será aberto gratuitamente ao público, com agendamento sob demanda, atendendo a visitas técnicas, eventos, etc., respeitando as restrições sanitárias impostas pelas autoridades de saúde. Os interessados devem entrar em contato com a BIOTIC/SA previamente pelo e-mail bioticsa@bioticsa.com.br.

    Contatos para a imprensa

    Ascom Terracap/Biotic
    (61) 98539-1039
    (61) 99133-3423
    ascom@terracap.df.gov.br

    Suzana Leite
    Assessoria de Comunicação Social
    Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap)

    2020-07-23 18:03:40 - Cartilhas
  • Terracap apresenta projeto para a maior regularização da história na macrozona rural do DF

     

    Brasília mal acabara de ser inaugurada e, ainda na década de 1960, o jovem Fragmar Diniz Leite pisava nas terras vermelhas da nova capital federal, trazendo malas e esperança lá do interior do Rio Grande do Norte. Fragmar conta que os agricultores de todo o Brasil eram “estimulados por Juscelino a migrar, produzir e colher no Planalto Central e dar de comer ao candango”. Assim o fez. No antigo núcleo rural de Taguatinga, plantou frutas e verduras por décadas. Alimentou não só candangos, mas também brasilienses. E, até hoje, aos 78 anos de idade, aguarda pela regularização do terreno que ocupa, pertencente ao patrimônio público.

    Ocupações históricas como a do professor Fragmar – como é conhecido – e de milhares de pequenos e médios produtores rurais podem ser resolvidas em breve. Foi encaminhado à Casa Civil, no último dia 29, um anteprojeto de lei que permite a regularização de mais de 5 mil ocupações, além de abrir diversas possibilidades de novos investimentos na macrozona rural. A minuta foi elaborada pela Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), em conjunto com a Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (Seagri-DF) e a Secretaria de Projetos Especiais (Sepe-DF).

    O diretor de Regularização Social e Desenvolvimento Econômico da Terracap, Leonardo Mundim, explica que este é, provavelmente, o projeto de regularização rural mais arrojado da história do Distrito Federal. “Trará segurança jurídica para milhares de ocupantes históricos, trará justa remuneração para a empresa pública, a Terracap, e trará novos empregos e investimentos para o DF. A construção do anteprojeto ocorreu mediante um amplo e transparente debate com as associações de produtores e demais entidades do setor produtivo rural, a partir da determinação do Governador.”

    A proposta altera a legislação para incluir novos modelos de regularização. Um deles resolve o antigo problema das ocupações em terras desapropriadas em comum. A construção de Brasília, há seis décadas, só foi possível com a desapropriação das fazendas que ocupavam à época o Planalto Central. Parte do território do Distrito Federal (9%) é formada por terras em comum, ou seja, foram desapropriadas, mas não há definição precisa de quais são parcelas públicas ou particulares.

    O modelo prevê que poderá ser assinada concessão de uso com a Terracap, com aprovação prévia do plano de utilização pela Seagri, mediante inserção da chamada cláusula de ressalva de propriedade.  Ou seja, o concessionário não abrirá mão de pleitear sua quota de propriedade, quando da futura divisão judicial ou extrajudicial da fazenda entre os diversos donos registrais.

    Izidio Santos, presidente da Terracap, destaca a importância histórica da regularização rural que o projeto prevê. “Somos uma agência de desenvolvimento e a matéria propõe justamente isso: trazer segurança jurídica, novos investimentos, parcerias e tecnologia para o DF. Solucionamos um imbróglio histórico e criamos novas oportunidades”.

    Já Raimundo Noleto, experiente produtor de hortaliças e frutas de Ceilândia, em área de terra desapropriada em comum, comemora: “Nós, produtores rurais, nunca estivemos tão perto de vermos nossas terras regularizadas. Vamos abrir as porteiras para a produtividade!”.

    Segundo o secretário de Agricultura, Candido Teles, ter a situação da terra legalizada é um desejo muito antigo do produtor do DF. “Graças ao esforço dos servidores da Terracap, da Seagri e ao desejo do Governador para que o pequeno e médio produtor tenham a oportunidade de dar em garantia o próprio título de regularização em busca dos seus créditos para a produção e, com isso, crescer como pequeno empresário, como  produtor de laticínios ou outras atividades, nós vamos procurando gerar riqueza no campo”. Teles completa: “Esse é um projeto muito importante para o governo do Distrito Federal”.

    Glebas com características rurais inseridas em zona urbana

    O anteprojeto traz outra importante questão a ser solucionada, que são as glebas com características rurais inseridas em zona urbana. A legislação estava incompleta sobre tal situação. Apesar da inclusão formal em zona urbana feita em 2009 pelo Plano de Diretor de Ordenamento Territorial do Distrito Federal (PDOT), as áreas continuam sendo utilizadas para atividades rurais ou ambientais. O anteprojeto prevê a possibilidade de formalizar contratos específicos com pagamento de preço público, para que a ocupação seja legalizada.

    Esse é o caso da área ocupada pelo professor Fragmar. A fazenda está inserida na região do Sol Nascente, considerada zona urbana, segundo o PDOT, embora desde os anos 1960 ele exerça atividade rural no local. “O produtor em situação de ocupação irregular não tem segurança do futuro. Ele não tem coragem de investir na terra, de se aprimorar intelectualmente, profissionalmente, e abandona o campo, vai morar na cidade, e acaba exercendo uma atividade para a qual não está preparado”, opina o sábio docente. Fragmar é incisivo. Diz que esperou por muitos anos pela lei e espera que seja aprovada.

    “Essa alteração vem para aprimorar as regras de regularização das terras públicas rurais para atender ao interesse da população. São terras de famílias que mantêm seu sustento com a produção agrícola e pecuária e que podem ser retiradas do local se não for solucionada essa questão”, enfatiza o secretário de Projetos Especiais, Everardo Gueiros.

    Atividades de apoio à população rural

    Quem aguarda também ansiosamente pela regularização é a comunidade da Paróquia São José, do Caub II. Muito mais que o trabalho pastoral oferecido pela Igreja Ortodoxa, há, ali, inúmeras atividades sociais que acolhem a carente população do local. Na horta comunitária, são cultivadas batata, mandioca, beterraba, cenoura, além de diversas hortaliças. As crianças da vizinhança também participam do projeto.  “Elas não ficam na rua e ainda aprendem a importância de se doar ao próximo”, explica a advogada da paróquia, Eliane Amaral. Para a advogada, “a lei é muito ansiada e será de suma importância para investir nos projetos, ampliar novas ações sociais e, ainda, pensar em novas formas de ajudar a comunidade”.

    Tudo que sai da horta vai direto para as panelas. Somadas ao macarrão doado pela mesma comunidade, as verduras viram um sopão que é distribuído aos moradores de rua. E não para por aí. A paróquia também oferece aulas de artesanato para aumentar a renda da comunidade, além de atendimento psicológico para jovens e adultos.

    E essas atividades de apoio à população rural, de suma importância para quem vive e produz no campo, e que atualmente se encontram em situação de insegurança jurídica, também são contempladas na minuta. Templos religiosos, mercados, associações de produtores rurais, usinas de produção de energia e de beneficiamento da produção, entre muitas outras previstas numa extensa lista de um decreto federal de 1968, poderão ser regularizadas mediante contrato de concessão de uso com a Terracap, desde que comprovem a ocupação anterior a 31/12/2012.

    A ampliação do marco regulatório, aliás, também é uma novidade no anteprojeto de lei, para que mais produtores possam ter a oportunidade de pleitear a regularização e obter a necessária segurança jurídica para investir e gerar emprego e renda na área rural.

    Atração de investimentos

    O anteprojeto também aumenta as possibilidades de licitação pública de concessão de uso na área rural, um modelo que nunca chegou a ser praticado nos 47 anos de existência da Terracap. Pelo novo sistema, grandes empreendimentos poderão se instalar, com a merecida segurança jurídica, em glebas da macrozona rural do Distrito Federal, pagando um preço público anual pela concessão de uso.

    “O texto do anteprojeto foi construído a várias mãos e o setor da agricultura e pecuária não só foi ouvido, como teve suas sugestões acatadas. Uma vez as alterações propostas aprovadas, há de ser um marco histórico na regularização rural do DF”, sintetiza o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Distrito Federal (Fape-DF), Fernando César Ribeiro.

    Suzana Leite
    Assessoria de Comunicação Social
    Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap)
    ascom@terracap.df.org.br

    Foto: Renato Alves/Agência Brasília 

    2020-07-04 19:44:44 - Cartilhas
  • Terracap adota assinatura digital nas escrituras públicas

    Com o surgimento de inovações tecnológicas, cada vez mais as empresas têm utilizado de meios como a assinatura digital de documentos, visto que ela traz mais agilidade, transparência e segurança ao processo. A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), por exemplo, aderiu a esse mecanismo, com o uso do sistema e-Notariado, para melhorar o desempenho da entrega de escrituras públicas.

    Já nesta semana, os cartórios iniciarão o novo procedimento. Até a próxima sexta-feira (8/6), a Terracap receberá escrituras nas duas modalidades – física e digital – para que todos possam se adequar. Já a partir do dia 8, a Agência receberá somente escrituras digitais.

    Nessa nova modalidade de assinatura, o cartório atribui à escritura o fluxo da Terracap previamente cadastrado no sistema. Com isso, e-mails automáticos são encaminhados para os “aprovadores” e “assinadores”. Na prática, não haverá mais pilhas de papéis sobre as mesas de gerentes e diretores para assinar um a um dos documentos e tudo será simultâneo, dando maior celeridade procedimento.

    Caso o cliente decida não optar por essa forma de autenticação, o processo não será prejudicado, pois somente a parte dele ficará no formato físico.

    Além de ser uma evolução tecnológica benéfica para Terracap, cartórios e clientes, a assinatura digital das escrituras passa a ser mais uma medida no necessário distanciamento social recomendado pelas autoridades de Saúde em função da pandemia do novo coronavírus.

    O e-Notariado

    O e-Notariado é uma autenticação eletrônica própria criada pela Associação dos Cartórios. O novo sistema permite que os responsáveis assinem as escrituras por meio do site (https://www.e-notariado.org.br/) ou do aplicativo “e-notariado” para smartphone. No segundo caso, poderão acessar com a própria digital ou com o token do Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ICP Brasil).

    Assessoria de Comunicação Social
    Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap)
    ascom@terracap.df.org.br

     

     

     

     

     

     

     

    2020-06-03 15:10:23 - Cartilhas
  • Biotic lança chamada pública para soluções inovadoras contra Covid-19.

    Selecionados assinarão acordo de parceria para pesquisa e desenvolvimento com a Biotic S/A

    A séria ameaça representada pela Covid-19 ao sistema de saúde pública e à economia local tem gerado diversas ações de enfrentamento por parte do Governo do Distrito Federal (GDF). Entre elas está a chamada pública do Parque Tecnológico de Brasília (Biotic) que irá selecionar projetos com foco na inovação e no empreendedorismo, buscando ativamente parcerias para o desenvolvimento de soluções tecnológicas que visem combater a pandemia e suas consequências econômicas e sociais.

    O Edital 2/2020 está disponível no site da Biotic S/A, na aba Como Fazer Parte. As inscrições começam a partir desta segunda-feira (6) e vão até o próximo domingo (12). As propostas selecionadas celebrarão um acordo de parceria para pesquisa e desenvolvimento com a Biotic, que coordenará a captação dos recursos necessários junto aos órgãos de fomento, financiamento e apoio à inovação, além do setor privado.

    O objetivo é que a implantação das soluções, ainda que como teste, dê-se no tempo mais curto possível. A apresentação das propostas deverá obedecer ao formato definido no edital, levando em conta quesitos como metodologia, resultados esperados, cronograma de execução e orçamento previsto, entre outros.

    Na condição de hub de tecnologia e de inovação do Distrito Federal, a Biotic acredita na sua missão de fazer parte nesse imenso esforço conjunto. Foram convocados empresas, empreendedores e pesquisadores da região para que, ao reunirem esforços, possam apresentar propostas concretas, inovadoras e eficientes para o combate à pandemia.

    Além da Biotic, a Secretaria de Projetos Especiais do GDF também fará parte da análise e seleção das propostas, obedecendo ao grau de necessidade e priorização dos diferentes órgãos e entidades do governo durante o período de crise sanitária. A Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAP-DF), ligada à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do DF (Secti), também é parceira do projeto.

    As soluções apresentadas podem abranger as áreas da saúde, economia, educação, impacto social e tecnologia. É importante destacar, no entanto, que não serão selecionados projeto em fase de ideação. Serão analisadas propostas com um certo nível de maturidade, que já estiverem a um passo de serem lançadas e, assim, possam ajudar no combate à pandemia em curtíssimo prazo.

    Com informações da Biotic S/A.

     

    2020-04-07 15:14:43 - Cartilhas
  • Desenvolve DF

    EMPRESAS BENEFICIÁRIAS DE INCENTIVOS ECONÔMICOS

    Por determinação dos arts. 1º, caput e parágrafo único, e arts. 4º e 5º da Lei Distrital nº 6.468, de 27/12/2019, a qual trata da reformulação do Programa PRO-DF II, são considerados legalmente prorrogados os contratos de Concessão de Direito Real de Uso com Opção de Compra (CDRU-C) assinados pela Terracap com as empresas listadas nesta publicação.

    "Art. 4º Os CDRU-C vigentes ou vencidos na data da publicação desta Lei que não estejam cancelados consideram-se automaticamente prorrogados a partir da publicação desta Lei, inclusive no tocante à obrigação contratual de pagamento pela concessionária da taxa de ocupação mensal à Terracap, até a data da emissão do Atestado de Implantação Provisório - AIP ou até a data da emissão direta do Atestado de Implantação Definitivo - AID previstos no art. 4º, § 11, da Lei nº 3.266, de 2003. 

    § 1º A taxa de ocupação incide sobre o valor atualizado do contrato, pelo índice nele previsto, como consequência da ocupação do imóvel.

    § 2º Emitido o AIP, a cobrança da taxa de ocupação mensal é automaticamente suspensa pelo prazo de 6 meses contados da emissão e, após esse prazo, caso não tenha sido emitido o AID, é automaticamente retomada a obrigação de pagamento da taxa de ocupação mensal, salvo se o atraso na emissão não for imputável à concessionária.

    § 3º Após a emissão do AID, a suspensão da taxa de ocupação perdura automaticamente por mais 3 meses contados da emissão e, após esse prazo, caso não tenha sido assinada a escritura pública com a Terracap, é automaticamente retomada a obrigação de pagamento da taxa de ocupação mensal, salvo se o atraso na assinatura não for imputável à concessionária.

    § 4º Se tiver sido emitido diretamente o AID na forma do art. 4º, § 11, da Lei nº 3.266, de 2003, a cobrança da taxa de ocupação mensal é suspensa pelo prazo de 6 meses contados da emissão e, após esse prazo, caso não tenha sido assinada a escritura pública com a Terracap, é automaticamente retomada a obrigação de pagamento da taxa de ocupação mensal, salvo se o atraso na assinatura não for imputável à concessionária.

    § 5º Os valores pagos a título de taxa de ocupação nos primeiros 24 meses da assinatura do Contrato de Concessão de Direito Real de Uso devem ser abatidos na integralidade quando da opção de compra, após deliberação do COPEP e desde que a empresa comprove geração de empregos pelo menos 15% superior ao previsto no PVTEF, considerando a média dos primeiros 24 meses.

    Art. 5º No caso de CDRU-C vigente ou vencido na data da publicação desta Lei que não esteja cancelado, com AID emitido ou documento equivalente, a concessionária pode requerer à Terracap a assinatura da respectiva escritura pública, no prazo de até 6 meses contados da vigência desta Lei.

    § 1º Findo o prazo previsto no caput, é retomada a obrigação de pagamento da taxa mensal como consequência da ocupação do imóvel, salvo se o atraso na assinatura não for imputável à concessionária.

    § 2º O direito à escrituração pode ser exercido sem nova exigência dos requisitos cumpridos quando da emissão do AID.

    § 3º Aplica-se o disposto neste artigo também às empresas detentoras de atestado de implantação definitivo expedido no âmbito do PRÓ-DF."

    Dispõe o art. 10 do Decreto Distrital nº 41.015, de 22/07/2020, que haverá retomada da cobrança da taxa de ocupação mensal incidente sobre o imóvel público, conforme a seguir:

    a) a partir de 04/08/2020, para as empresas com contrato de Concessão de Direito Real de Uso com Opção de Compra - CDRU-C que ainda não solicitaram ou obtiveram junto à Secretaria de Estado de Empreendedorismo a emissão do Atestado de Implantação, observados os requisitos legais; e

    b) a partir de 04/02/2021, para as empresas com contrato de Concessão de Direito Real de Uso com Opção e Compra - CDRU-C que, sendo já detentoras de Atestado de Implantação Definitivo, ainda não solicitaram ou obtiveram junto à Terracap a lavratura da escritura pública do imóvel.

    A lista abaixo, contendo as empresas concessionárias inseridas na situação dos arts. 1º, caput e parágrafo único, e arts. 4º e 5º da Lei Distrital nº 6.468/2019, elaborada a partir de informações fornecidas pela Secretaria de Empreendedorismo, é publicada em estrita obediência ao §1º do art. 10 do Decreto Distrital nº 41.015/2020, e pode sofrer alterações. 

    A retomada da cobrança das taxas de ocupação ocorrerá por remessa de boletos mensais para o endereço contratual (físico e eletrônico), sendo feita em todos os processos com contratos de CDRU-C enquadrados nos arts. 4º ou 5º da Lei Distrital nº 6.468/2019, ainda que não listados abaixo, conforme dispõe o §2º do art. 10 do Decreto Distrital nº 41.015/2020. O boleto mensal também pode ser obtido diretamente no Portal da Terracap (www.terracap.df.gov.br).

    O encerramento da cobrança da taxa de ocupação mensal ocorrerá com o cumprimento da providência pendente por parte da empresa concessionária, conforme o caso e observados os prazos e os requisitos da legislação. 

    Os contratos das empresas abaixo listadas que estejam sobrestados, na presente data, por decisão administrativa ou judicial, não serão objeto da retomada da cobrança da taxa de ocupação mensal enquanto durar o sobrestamento. 

    Eventuais dúvidas podem ser sanadas perante a Terracap, através do telefone: (61) 3350-2222, ou pelo email: sac@terracap.df.gov.br, ou por requerimento pelo link: https://servicosonline.terracap.df.gov.br/.

    Brasília/DF, 29 de julho de 2020

    Patrícia Arantes Coelho

    Gerente de Desenvolvimento Econômico

    Leonardo Mundim
    Diretor de Regularização Social e Desenvolvimento Econômico

    Atualizado em: 07/2020

     

    Nº Processo

    Interessado

    370.000753/2009

    302 SUDOESTE LANCHES LTDA

    160.002574/1999

    A A DE OLIVEIRA FILHO ME

    160.001960/2000

    A C PRADO GRAFICA ME

    160.001657/1994

    A E A GRAFICA LTDA ME

    160.000306/2004

    A ORIGINAL LUMINOSOS LTDA - ME

    160.001162/2000

    A R BATISTA MARCENARIA ME

    370.001198/2009

    A V S IMPORTACAO E EXPORTACAO LTDA

    160.000442/2006

    ABEGAIL DIAS DA SILVA - ME

    160.002028/1999

    ABRAHAM INDUSTRIA E COMERCIO DE MOVEIS LTDA

    160.000822/1999

    ABVT TELECOM LTDA - ME

    160.000366/2005

    ACS ENGENHARIA LTDA

    160.002871/2000

    ADALGISO RODRIGUES DE BRITO ME

    370.000089/2011

    ADE COMÉRCIO DE TINTAS LTDA

    160.002339/1999

    ADENIL RODRIGUES SOARES ME

    160.001338/1999

    ADERALDO GONCALVES DA SILVA-ME

    160.002064/2000

    ADERBAL PINTO DE SOUZA ME

    160.001988/2001

    ADILSON DA SILVA CABRAL ME

    160.001619/1999

    AEROCLIMA SERVICOS TECNICOS LTDA

    160.003555/2000

    AGAPE IND E COM DE MOVEIS LTDA

    370.000254/2010

    AGENCIA PLA DE COMUNICACAO E EVENTOS LTDA

    160.001253/2001

    AGENOR DE MORAIS MENESES FILHO LTDA ME

    370.000873/2008

    AGRIMAR PRODUTOS AGRICOLAS LTDA

    160.001835/1999

    AGRO-MANIA AGROPECUARIA LTDA

    370.000057/2010

    AGUAMAX DISTRIBUIDORA DE BEBIDAS LTDA

    160.001335/2000

    AIRTON GOMES DE MENEZES ME

    160.001319/2001

    ALCANTARA MATERIAL DE CONSTRUCAO LTDA

    160.000560/2005

    ALFA QUIMICA LTDA - ME

    370.000239/2007

    ALIANCA ATACADISTA LTDA

    160.000200/2006

    ALIANÇA EMPRESARIAL ENGENHARIA LTDA E OUTRO.

    160.001160/1999

    ALICE PATROCINIO VIEIRA DOS SANTOS - M

    160.001697/2000

    ALINE DE OLIVEIRA ME

    160.000579/2002

    ALKHA COMERCIO DE ESQUADRIAS DE ALUMINIO LTDA EPP

    160.001455/2000

    ALKIMIM & ALKIMIM  DEP. DE BEBIDAS LTDA

    370.000079/2009

    ALÔ BRASILIA COMUNICAÇÕES LTDA

    160.001405/2002

    ALTAIR MENDES CHAGAS - ME

    370.000949/2009

    ALUCAM COMERCIO DE ESQUADRIAS DE ALUMINIO LTDA- ME

    160.002578/1999

    ALVORADA COMERCIO DE GÁS LTDA - ME

    160.000521/1994

    ALZIRA DELFINA DE FREITAS GUIMARAES ME

    160.002277/2000

    AMERICA REFOMAS E PINTURAS LTDA

    160.001981/2000

    AMORIM E OLIVEIRA LTDA ME

    370.000482/2009

    AMPLA - COM. DE SUBPR. BOV. E PREST. SERV. LTDA

    160.002224/1999

    ANA CELIA FERREIRA ME

    160.000037/2000

    ANA CRISTINA DANTAS BARBOSA GONCALVES ME

    160.001555/1999

    ANA MARIA ROMEIRO RODRIGUES ME

    370.000610/2007

    ANAGE LAJES CONSTRUCOES E REFORMAS LTDA

    370.000443/2009

    ANALISE CONTABILIDADE LTDA

    160.001641/1999

    ANDOR MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO LTDA - ME

    160.000253/2000

    ANDRADE TRANSP E COM. DE MAT. DE CONSTRUCAO LTDA

    160.001975/1999

    ANDRE SARAIVA AMORIM -ME

    160.000509/2001

    ANTENOR ANULINO ALVES ME

    160.000745/2001

    ANTONIA DE JESUS FERREIRA ME

    160.001602/1999

    ANTONIA PEDROSA LIMA GOMES ME

    160.003457/2000

    ANTONIA VIEIRA DA SILVA OPCAO FEMININA - ME

    160.002560/1999

    ANTONIO ALEXANDRE S. LANDIM ME

    160.002351/2001

    ANTONIO AUGUSTO DANTAS DA COSTA ME

    160.002558/1999

    ANTONIO BATISTA DE MELO ME

    160.001443/2000

    ANTONIO DOS SANTOS BRITO ME

    160.002155/1994

    ANTONIO JOSE GOMES MELO ME

    160.002694/1994

    ANTONIO NOGUEIRA DA SILVA BORRACHARIA ME

    160.002826/1999

    ANTONIO NUNES DANTAS-ME

    370.000312/2009

    ANTONIO PEDRO DOS SANTOS ME

    160.001630/2001

    ARAUJO & CINTRA LTDA - ME

    160.001125/1999

    ARAUJO TELECOMUNICACOES LTDA-ME

    160.002709/2000

    ARCOPLAN CONSTRUTORA LTDA

    111.003787/1989

    ARGAFORTE INDUSTRIA E COM. DE ARGAMASSAS LTDA - ME

    160.002269/1999

    ARNOBIO ARAUJO DOS SANTOS ME

    370.000334/2010

    ARQUIVO, LOGISTICA E COMERCIO ATACADISTA EM GERAL QUALITY LTDA

    160.002465/1999

    ART METAL SERRALHERIA LTDA ME

    370.000459/2010

    ARTE CONSTRUCOES E SEVICOS LTDA

    160.000145/2004

    ARTMIX IND.E COM.DE ARTEFATOS DE CONCRETO LTDA

    160.000451/1999

    ART-VELAS CONFECCOES E COMERCIO DE VELAS LTDA ME

    160.001765/2002

    ASC-ASSESSORIA DE CONDOMINIOS LTDA

    370.000994/2008

    ASPERPLAN - ENGENHARIA DE IRRIGACAO LTDA - ME

    370.000046/2009

    ATACADISTA DE ALIMENTOS IRMAOS VARGAS LTDA

    370.000650/2010

    ATRIUM EMPREEND. IMOBILIARIOS SA

    160.001522/2001

    AUDDY LTDA - ME

    160.001014/2001

    AURELIANO CONSTRUCOES LTDA

    160.001181/2001

    AUTO ELETRICA ALTERNATIVA LTDA ME

    160.000901/1994

    AUTO ELETRICA E REGULADORA MODELO LTDA

    160.001348/1999

    AUTO ELETRICA FIO TERRA COM E SERV LTDA

    160.002322/1999

    AUTO ELETRICA MONTE SINAI LTDA ME

    160.001540/1994

    AUTO ESCORTE SERV MEC LANT E PINTURA LTDA ME

    160.002044/1999

    AUTO MECANICA DOIS ESTADOS LTDA

    160.002081/2000

    AUTO MECANICA J D GAMA LTDA ME

    160.000751/1992

    AUTO MECANICA JOCELINO LTDA

    160.001148/1994

    AUTO MECANICA MONTE SINAI LTDA ME

    160.001593/1999

    AUTO MECANICA SATURNO LTDA ME

    160.001598/2001

    AUTO PECAS E MECANICA RECANTO LTDA - ME

    160.001551/2000

    AUTO REGULADORA FRAZAO LTDA

    160.002647/1994

    AUTO REGULADORA SOUZA RAMOS LTDA ME

    370.000145/2010

    AUTOMEC DISTRIBUIDORA DE AUTO PECAS LTDA - ME

    160.002856/2000

    AVICULTURA SAMAMBAIA LTDA - ME

    160.001863/2001

    AVILLA E BULHOES LTDA

    160.002883/2000

    B H DE OLIVEIRA ME

    160.001462/2000

    B PEREIRA DA COSTA MECANICA ME

    160.002654/1999

    BAHIANO LANTERNAGEM E PINTURA E ELETRICA LTDA ME

    370.000423/2007

    BANCA BRASILIANA DE JORNAIS E REVISTAS LTDA

    160.000450/1994

    BANCOS AUTOS RECLINAVEIS PRORBASTOS LTDA ME

    160.000307/1994

    BANDEIRANTE DIST MAQUINAS PARA LIMPEZA LTDA

    160.000077/2005

    BAR E LANCHES CAIANA LTDA ME

    160.001432/2000

    BAR E MERCEARIA SURPRESA LTDA ME

    160.000029/2000

    BBB ARMARINHO E PAPELARIA LTDA - ME

    160.000173/1999

    BEBIGELO COMERCIO DE GELO E BEBIDAS LTDA

    370.000121/2008

    BICO DE OURO COM. E IND. DE GENEROS ALIMENT. LTDA

    160.000721/1994

    BIRIGO AUTO PECAS LTDA - ME

    370.000314/2010

    BLUEBERRY COM. TECNOL. E SERV. EM INFORMATICA LTDA

    160.000427/1999

    BR RETIFICA DE BOMBAS INJETORAS LTDA

    160.002135/1999

    BRAGANCA MONTEIRO LTDA.

    370.000391/2013

    BRASIL CENTRAL DE E E CULTURA

    370.000377/2007

    BRASIL TEMPER COMERCIO DE VIDROS LTDA - ME

    370.000419/2011

    BRASILIA  TELEFONIA E INFORMATICA LTDA

    370.000085/2010

    BRASILIA PAINEIS LTDA - EPP

    160.002933/1999

    BRASMED BSB MEDICAMENTOS  LTDA.

    160.002552/2000

    BRAZ MATEUS DA SILVA ME

    160.001972/1999

    BRICCAL IND, COMERCIO E MINERACAO LTDA

    160.000172/1998

    BRICCAL IND, COMERCIO E MINERACAO LTDA

    160.002834/1999

    BRISA CONSTRUCOES LTDA

    370.000402/2010

    BRUSTE CONSULT. EM TECNOLOGIA DA INFORMACAO LTDA

    370.000301/2013

    BUBBLEDECK BRASIL LTDA

    160.002065/2001

    BY EDUARDUS COIFFEUR E CONFECCOES LTDA

    160.000072/2004

    C & E ESCOLA ATIVO LTDA

    370.000036/2014

    C S COMERCIO DE PECAS E ACESSORIOS LTDA ME

    370.000397/2010

    CABELO & COMPANIHIA COSMETICOS LTDA

    370.000049/2010

    CAFE EXPORT INDUST. E COM. LTDA

    160.000916/1999

    CALDO VERDE COMERCIO DE ALIMENTOS LTDA

    370.000918/2010

    CAMBIO MANUTENCAO DE VEICULOS LTDA - ME

    160.001257/2000

    CAMILO MATERIAIS DE CONSTRUCOES LTDA-ME

    370.000494/2011

    CANAL 27 COMUNICAÇÕES EIRELI

    160.000428/2000

    CANDELA ENGENHARIA LTDA

    370.000084/2008

    CAPITALCDISTRIBUIDORA DE EMBALAGENS LTDA ME

    160.000656/1998

    CARLOS BRUNO BETONICO - ME

    160.001113/2002

    CARLOS DE SOUZA RIBEIRO - ME

    160.000589/2006

    CASA DO COMERCIO REFRIGERACAO LTDA-EPP

    160.000106/2001

    CASTELO DAS TINTAS LTDA EPP

    370.000638/2007

    CASTELO DISTRIBUIDORA DE MADEIRA LTDA EPP

    160.000311/2005

    CASTRO ENGENHARIA LTDA

    160.000828/2001

    CATANHEDE & CIA LTDA ME

    370.000545/2007

    CAVALHEIRO MATERIAIS DE CONSTRUCAO LTDA

    160.000363/2006

    CDL - CAMARA DE DIRIGENTES LOJISTAS DO DF.

    160.001138/2000

    CELSO ANGELO PEREIRA - PLACAS E LUMINARIAS -ME

    160.002924/2000

    CENTRAL ARMAS SERV TECNICOS LTDA ME

    160.000359/2005

    CENTRAL DE CONSTRUCOES MELO LTDA

    160.000532/1999

    CENTRAL MECANICA ART CAR LTDA ME

    160.001310/2001

    CENTRO AUTOMOTIVO JOSE MARIO LTDA ME

    160.002707/2001

    CENTRO CLINICO ORTOPEDICO DA CEILANDIA LTDA

    370.000243/2013

    CENTRO DE ENSINO UNIFICADO DE BRASILIA CEUB

    160.002885/2000

    CENTRO DE FORMACAO DE CONDUTOR B KIARA LTDA

    160.002949/2000

    CHAGAS ALFAITARIA E CONF. LTDA  ME

    370.001116/2008

    CIATOY BRINQUEDOS LTDA EPP

    160.002800/1999

    CICERO GOMES DE LIMA ME

    160.002771/1999

    CICERO PAULO SANTOS LTDA ME

    160.000681/1992

    CICLO VENANCIO CONSERTO DE BICICLETA LTDA

    370.000225/2010

    CIENGE ENGENHARIA LTDA

    160.000560/2006

    CIETEC - CONSTRUCOES INCORP. PROJ E ASSES S/C LTDA

    160.000460/2001

    CIPAN COM. E IND. DE PANIFICACAO LTDA

    160.001922/2000

    CIRO CENTRO AUTOMOTIVO LTDA

    160.001015/2000

    CLAIR DE JESUS CALDEIRA ALVES ME

    160.001180/2000

    CLAUDIA MARIA JACINTHA - ME

    160.001332/2001

    CLAUDSON ALVES BARBOZA LTDA ME

    160.000718/2001

    CLEIDE CRISTINA B. DA SILVA TRANS. ESCOLAR ME

    370.000968/2010

    CLINICA AGUAS CLARAS LTDA

    160.002430/2001

    CLINICA DE OLHOS ANCHIETA S/C LTDA

    370.000206/2009

    CLINICA MEDICA CHIENKUN LTDA

    160.002846/2000

    CLINICA VETERINARIA DONA CADELA E SEUS FILHOS LTDA

    370.000885/2008

    CLJ COMERCIO DE CONFECCOES LTDA

    160.003366/1999

    CLORIVAL FLORINDO DA SILVA ME

    160.001028/2002

    CM DE ARAUJO CLINICA MEDICA E PSICOLOGICA ME

    160.002025/1999

    COBRA AUTO PECAS LTDA ME

    160.003728/1999

    COBRE - COM BRASILEIRO DE ARTEFATOS EM METAL LTDA

    160.000020/2000

    COEL CONSTRUCOES ELETRICAS LTDA  - ME

    370.000289/2010

    COFERPLAN COMERCIAL DE FERROS DO PLANALTO LTDA

    370.000112/2012

    COMANDO AUTO PECAS LTDA

    160.001678/2002

    COMERCIAL DE ALIMENTOS CAIQUE LTDA

    370.000905/2009

    COMERCIAL DE ALIMENTOS FILE MIAU LTDA - ME

    160.001804/1999

    COMERCIAL JSM PRODUTOS AGROPECUARIOS EIRELI

    160.000027/2000

    COMERCIAL MUNIQUE DE ALIMENTOS LTDA ME

    160.000373/2005

    COMERCIAL WALPP LTDA

    160.001161/2002

    COMETA COMÉRCIO DE VEÍCULOS LTDA

    160.001865/2001

    COMPANHIA BRASILEIRA DE DISTRIBUICAO

    370.000388/2010

    COMPANHIA DO CABELO COSMETICOS LTDA

    160.000827/2001

    CONCEICAO VAZ DA CONCEICAO - ME

    370.000838/2010

    CONECTA COMUNICACAO E ESTRATEGIA LTDA

    160.001786/2000

    CONFECCOES RABELO LTDA

    160.001218/1989

    CONFECCOES SAO PAULO LTDA

    160.001297/1999

    CONFECCOES SOUZA LTDA ME

    370.000717/2009

    CONSERVENGE CONSTRUCAO E CONSERVACAO LTDA

    160.000746/2001

    CONSTRUCOES ACNT LTDA

    160.000302/2005

    CONSTRUMETA ENGENHARIA LTDA

    160.001914/2000

    CONSTRUTORA ARTEC LTDA.

    160.000411/2000

    CONSTRUTORA ÁVILA DE AZEVEDO LTDA EPP

    370.000045/2011

    CONSTRUTORA ENGEMEGA LTDA

    160.000459/2000

    CONSTRUTORA LIDER LTDA

    160.000422/2000

    CONSTRUTORA MERIDIANO LTDA

    160.000588/1999

    CONSTRUTORA SAO GERALDO LTDA

    160.000414/2000

    CONSTRUTORA VALIM LTDA

    160.002360/2000

    CONSULTORIO VETERINARIO PARKWAY LTDA

    160.000526/2005

    CONSYS FOTOCOPIADORA LTDA - ME

    160.000184/1998

    CONTABILIDADE REAL LTDA

    160.001982/2000

    CONTATO INSTALACAO ELETRICA LTDA

    160.001655/2001

    COOPER. DOS ARTESAOS MORD. D/LAGO NORTE - QUITUART

    370.000326/2014

    COPY LINE COMERCIO E SERVICOS LTDA EPP

    160.000044/2002

    CORADO BORRACHARIA LTDA ME

    160.000945/1999

    CORPO DISTRIBUIDORA DE COSMETICOS LTDA

    160.000172/2006

    COSTA BRAVA PROJETO E CONSTRUCOES LTDA

    160.002275/1999

    COSTA LIMA E OLIVEIRA LTDA ME

    370.000783/2010

    CPC CONST PROC CIENTIF LTDA

    160.002831/2000

    CRISTALMAIS COMERCIO DE VIDROS LTDA

    160.003360/1999

    CRZ-COM. DE ARTIGOS MILITARES LTDA.

    160.000566/1998

    CZAR IND COM DE CONFECCOES LTDA

    370.000657/2009

    D & L COMERCIO ATACATISTA DE JANELA EM GERAL LTDA

    160.001438/1999

    D SCARTH COM E CONF DE MAT DESCARTAVEIS LTDA ME

    160.001877/1999

    DAM CONSTRUTORA LTDA

    160.000383/2006

    DAUTO TINTAS LTDA

    160.001927/1999

    DAVILTON DE OLIVEIRA ME

    160.001813/2001

    DB DISTRIBUIDORA BRASILIA DE AUTO PECAS LTDA

    160.001217/2001

    DBRINQUEDOS MERC E DIST RN LTDA ME

    370.000679/2009

    DE PAULA ENGENHARIA E COMERCIO LTDA

    160.002123/1999

    DECIO AUTO CENTER MECANICA LTDA - ME

    160.000879/1999

    DECORAR DECORACOES E SERV. LTDA - ME

    370.000600/2010

    DEMAQ ENGENHARIA

    160.001806/2001

    DEMOCRATA TRANSPORTES LTDA ME

    160.002583/2000

    DEPOSITO DE GAS AGUAS CLARAS LTDA ME

    160.004224/1999

    DESIGNS COMUNICACAO VISUAL LTDA ME

    160.002178/1999

    DEVILTO ANTONIO DA SILVA MERCADO ME

    160.000660/2006

    DF GENÉRICA COMÉRCIO DE PRODUTOS FARMACÊUTICOS LTDA

    160.002163/2000

    DI TRAJAN INDUSTRIAL DE MODAS LTDA ME

    160.003096/1999

    DIEGO MADUREIRA RODRIGUES

    160.001579/1994

    DINIZ MECANICA E REGULAGENS LTDA ME

    160.000207/2004

    DISCK COLETA DE ENTULHOS LTDA ME

    160.000482/1999

    DISFREIO DISTRIBUIDORA DE FREIOS LTDA

    160.001271/1994

    DISTAK AUTO PECAS LTDA

    160.001576/2001

    DISTRIBUIDORA DE DOCES DELICIAS LTDA ME

    370.000526/2007

    DISTRIBUIDORA DE GAS IPE LTDA

    370.000925/2008

    DIVENTS - DIVISAO DE EVENTOS LTDA

    160.000175/2005

    DIVIMAX DIVISORIAS E SERVICOS LTDA EPP

    160.000698/2001

    DIVITEX PERICUMA EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS SA

    160.000330/2006

    DL BRAGA ENGENHARIA LTDA

    160.001063/1999

    DM. TELEINFORMATICA LTDA - ME

    160.001503/1999

    DO REINO RESTAURANTE E LANCHONETE

    160.002458/2001

    DOCE DELICIA DO PLANALTO LTDA - ME

    160.003000/2000

    DOIS IRMAOS COM DE PECAS AUTO NOVAS E USADAS LTDA

    160.001704/2000

    DOLORES MARIA DE ALBUQUERQUE MORAIS - ME

    160.001004/2000

    DOMINGOS RAMOS-ME

    160.000374/1999

    DS DOCES SONHES DISTRIBUIDORA NAC DE ALIM LTDA

    160.001680/2001

    E F DE OLIVEIRA JUNIOR - ME

    370.000922/2008

    E. S DE ALVARENGA - ME

    160.002840/2000

    E.S. DE SOUZA ME

    160.000471/2006

    EBO ENGENHARIA E INCORPORACAO LTDA

    160.001164/2002

    ECL ENGENHARIA E CONSTRUCOES LTDA

    370.000661/2010

    ECL MOVIES PLANEJADOS LTDA ME

    370.000316/2007

    ECO BRASILIA FAB. DE DIESEL E CONSULTORIA LTDA

    160.001034/2000

    EDIMAR DA SILVA FREIRE

    160.003740/1999

    EDIMAR NERIS DE SOUSA

    160.003559/2000

    EDITORA GRAFICA ENCAIXE LTDA ME

    370.000106/2008

    EDMAR RAMOS DOS SANTOS ME

    160.001974/2000

    EDNALVA SILVA DIAS ME

    160.003225/2000

    EDUARDO BATISTA ME

    160.001692/2000

    EDUARDO ROBERTO DE CARVALHO - ME

    160.001930/2000

    EDVALDO PEREIRA DE ANDRADE ME

    160.000294/2004

    EGITO REGULAGENS ELETR. DE MOTORES LTDA - ME

    370.000417/2007

    ELA DISTRIBUIDORA LTDA

    160.001132/2001

    ELETRICA ALVES MACHADO LTDA ME

    160.000350/1998

    ELETRICA PLANALTO LTDA

    160.002068/2000

    ELETROGAMA ELETRONICA E ELETROD GAMA LTDA EPP

    160.000444/2000

    ELETROMIL-ELETRICA MONCAIO INSTALADORA LTDA

    160.001826/1999

    ELETROTECNICA REDHE LTDA ME

    160.001277/1999

    ELIANE PORTO DE OLIVEIRA - ME

    160.001485/2001

    ELIZABETH SOUZA LIRA - ME

    160.001166/1999

    ELVIRA IBANHEZ ME

    160.000214/1993

    EMBRAMAQ EMPRESA BRASILIENSE DE MAQ IND E COM LTDA

    370.000480/2011

    EMS S/A

    160.000727/2006

    ENGEMAC - SERVIÇOS DE ENGENHARIA EIRELI - EPP

    160.000412/2000

    ENGEMAXI ENGENHARIA LTDA

    160.000309/1998

    ENGENK ENGENHARIA LTDA

    160.001802/2002

    ENGESOFTWARE TECNOLOGIA S A

    160.002398/2000

    ERICA ADRIANA AMORIM CZEKE ME

    160.003692/1999

    ERIVALDO BEZERRA FREIRE ME

    160.002126/1999

    ESCUDO ESQUADRIAS METALICAS LTDA - ME

    370.001104/2008

    ESPARTA SEGURANÇA LTDA

    160.000388/2000

    ESTAFE ESTACAS FUNDACOES E ESTRUTURAS LTDA

    160.001983/2000

    ESTATICA ESTRUTURAS E ESQUADRIAS METALICAS LTDA

    160.003418/2000

    ESTRELA DAMANHA EXPE IMP DE PEDRAS PRECIOSAS LTDA

    160.001917/2000

    ETEC  EMPREENDIMENTOS TÉCNICOS DE ENGENHARIA E COMÉRCIO LTDA

    160.000994/2001

    Eter Engenharia LTDA EPP

    370.000744/2010

    ETITEC COMÉRCIO DE ETIQUETAS E ASSISTÊNCIA TÉCNICA ME EPP

    370.000321/2009

    EVANDRO QUEIROZ DA SILVA BAR   ME

    160.001291/2001

    EVE BARBOSA SILVA LTDA ME

    160.001949/2001

    EVENTOS PARANA LTDA ME

    160.000288/2002

    F G SERVICOS COMERCIAS E DE TRANSPORTES LTDA

    160.003793/1999

    F.A. DA SILVA BORRACHARIA ME

    160.001398/1999

    FABIO PEREIRA LOPES  - ME

    160.001688/2000

    FABRIK FERRAGENS E ACES. P/SERRALHERIA LTDA-ME

    160.001035/1999

    FARIA E LEITE LTDA

    160.001082/2000

    FATIMA FRANCISCA DA CONCEICAO ME

    160.000334/2001

    FAVERO E MONTEIRO LTDA

    370.000208/2010

    FBM INDUSTRIA FARMACEUTICA LTDA

    160.000624/2006

    FERGUS COMERCIAL DE CARRETAS E ENGATES LTDA-ME

    160.001179/2001

    FERRAGISTA DO LOBBO LTDA ME

    160.002170/2000

    FERREIRA E BEZERRA LTDA

    160.000788/2006

    FESTA FACIL PRODUTOS E SERVICOS LTDA

    160.002523/2001

    FILOMENA DOS SANTOS ME

    160.000887/1999

    FILOTEIA PAULO DA SILVA ME

    160.000752/1989

    FIORENZE COMERCIO E SERVICO EIRELI ME

    160.000595/2005

    FJ PRODUÇOES LTDA

    160.001213/1999

    FLORES DO PLANALTO LTDA

    160.000460/1999

    FM COMERCIO E SERVICOS DE EQUIP PARA ESCRITORIO LT

    160.002201/1999

    FONTE DE AGUA VIVA LTDA

    160.003854/1999

    FORMATUS ENGENHARIA LTDA

    370.000457/2012

    FORT GAS LTDA ME

    160.000121/2006

    FORT MIX COMERCIO VARESJISTA PARA MATERIAIS PARA CONSTRUCAO LTDA EPP

    160.003451/1999

    FORT VEICULOS LTDA ME

    160.000521/2005

    FOX COMERCIO DE GENEROS ALIMENTICIOS LTDA EPP

    160.001585/1999

    FRANCISCA DELMA PASSOS DE MACENO ME

    160.003496/2000

    FRANCISCA LUCIA CAMPOS VIEIRA - ME

    370.000245/2009

    FRANCISCO ALBERTO DOS SANTOS - ME

    160.002386/1999

    FRANCISCO CARLOS MARTINS VIEIRA ME

    160.000445/2000

    FRANCISCO CATARINO DA SILVA ME

    160.002493/1994

    FRANCISCO DAS CHAGAS ALVES DE OLIVEIRA ME

    160.002271/1999

    FRANCISCO DAS CHAGAS RIBEIRO REGULADORA ME

    160.001284/2000

    FRANCISCO DE ASSIS FELIX AUTO MECANICA -ME

    160.002593/1994

    FRANCISCO JOSE DA SILVA MARCENARIA ME

    160.003116/1999

    FRANCISCO WILSON BARRETO PEIXOTO ME

    160.000338/2003

    FREDERICO ELIL DE GOIS - ME

    160.002091/1999

    FREITAS LOURENCO E RODRIGUES LTDA ME

    370.000604/2008

    FREITAS TERRAPLENAGEM E PAVIMENTACAO LTDA

    370.000604/2007

    FVO BRASILIA IND. E COMERCIO DE ALIMENTOS LTDA

    160.002554/2001

    GABRIEL RODRIGUES DA SILVA ME

    160.003339/1999

    GALVONOPLASTIA MANZI LTDA ME

    370.000199/2008

    GASPAR  ESTRICH LTDA - ME

    160.002792/1999

    GENI ALVES FERREIRA

    160.000710/1998

    GENI APARECIDA RODRIGUES ME

    160.000476/2006

    GEO BRASIL SERVICOS AMBIENTAIS LTDA

    160.002222/2001

    GERALDO NUNES DE JESUS ME

    160.002447/1999

    GERALDO SANTANA DA SILVA ME

    160.001516/2000

    GESPIN GESSO E PINTURA LTDA

    160.000298/1997

    GILDERLEI COSTA MENEZES ME

    160.001431/2000

    GILSON ALVES DE SOUSA - ME

    160.000437/1999

    GMC DE OLIVEIRA AUTOMOTIVA ME

    160.000092/2004

    GOIAS GAS LTDA-ME

    160.001569/1999

    GOLDS GYM LTDA

    160.000502/2005

    GRADFORTE PORTOES ELETRONICOS LTDA

    160.001921/1999

    GRAFICA E CARIMBOS PRINT LTDA - ME

    370.000589/2007

    GRAFICA E EDITORA BRASIL LTDA

    160.000735/1998

    GRAFICA EDITORA PAPELARIA OLIVIERI LTDA

    160.002563/1999

    GRAFICA GG LTDA - ME

    160.002267/1999

    GRAFICA SANTANA LTDA ME

    160.001490/1994

    GRAFIMAQ GRAFICA MATERIAIS E SERVICOS LTDA

    370.000746/2008

    GRAN NATURE IND COM PROD ALIMENTICIOS LTDA ME

    160.000127/1999

    GRANEDO DISTRIBUIDORA DE MARMORES E GRANITOS LTDA

    370.000490/2009

    GRF ILUMINACAO DE AMBIENTES LTDA EPP

    160.001064/2001

    GRUME ROM RESTAURANTE LTDA ME

    370.000660/2008

    GT JORNALISMO COMUNICACAO LTDA

    160.000727/2002

    GV GAS COMERCIO DE GAS LTDA

    370.000443/2012

    H MARTINS MATERIAIS PARA CONSTRUCAO LTDA

    160.001237/2000

    HAROLDO LEITE DA SILVA  - ME

    160.002901/2000

    HELEN CAROLINA S. F. GAMA MOVEIS ME

    160.001776/1999

    HELENA DE FATIMA VAZ ME

    160.001356/1990

    HELENA MARIA DE ALMEIDA ME

    160.000477/2006

    HIDROBRASIL HIDRAULICA E SANEAMENTO LTDA

    160.003513/2000

    HORA CERTA CONFEC E BIJOUTERIAS LTDA - ME

    370.000335/2009

    HOSPITAL PACINI S/S LTDA

    160.002879/1999

    HOTEL FAZENDA AGROTURISMO RM LTDA

    370.000669/2009

    HP ELETROTECNICA COM. MANUT LOC. EQUIP ELETR. LTDA

    160.000387/2000

    HP ENGENHARIA LTDA

    160.002130/1999

    HUMBERTO MARTINS DE LUCENA - ME

    160.001242/1999

    IBRAMAR INDUSTRIA BRASILEIRA DE MARMORE LTDA EPP

    370.000913/2008

    IDAS COMERCIO E SERVICOS DE BUFFET LTDA - ME

    160.004243/1999

    IMPACTO PROTENSAO LTDA

    160.001408/2002

    IMPERIO VEICULOS LTDA

    160.000446/2001

    IMPREFORMA IMPERMEABILIZACOES E COMERCIO LTDA - ME

    370.000790/2009

    INDUSTRIA BRASILEIRA DE CONCRETOS LTDA

    160.002286/1999

    INFRA ENGETH INFRA-ESTRUTURA CONST. E COM. LTDA

    370.000556/2009

    INTEROURO ALIMENTOS LTDA

    160.001567/2000

    IREWANO MENDES BARROS ME

    160.000345/2001

    ISAIAS PEREIRA MACHADO LTDA - ME

    160.001146/2001

    ITALIA BOX VIDROS TEMPERADOS LTDA ME

    160.000210/2002

    J W W PECAS E SERVICOS LTDA - ME

    160.004098/1999

    J.V PEREIRA DA SILVA - ME

    160.002416/1999

    JAB MARCENARIA LTDA

    160.001649/1994

    JAIR GUIMARAES ME

    160.002432/1999

    JANIEL GONCALVES DA SILVA-ME

    160.000999/1994

    JAY COMPETICOES AUTOMOBILISTICAS LTDA

    370.000679/2010

    JB ARRANJOS E EVENTOS LTDA - ME

    160.002725/1999

    JD COMÉRCIO E INDÚSTRIA DE FERROS LTDA - ME

    160.000400/2004

    JEOVA SOUZA DA SILVA ME

    160.003657/1999

    JERONIMO MARRA DA SILVA - ME

    160.002553/2001

    JESSYCA COMERCIAL DE ALIMENTOS LTDA - ME

    160.002543/2000

    JF ESTRELA LTDA ME

    370.000365/2009

    JK TRANSPORTES E TURISMO LTDA

    370.001074/2008

    JL COMERCIO VAREJISTA DE MAT. DE CONSTRUCAO LTDA

    160.000443/2005

    JL WEGA REPRESENTACOES DE MOVEIS LTDA

    160.001391/2001

    JMF ENGENHARIA LTDA

    160.002562/2000

    JOAO ANTONIO DA SILVA SERRALHERIA -ME

    160.001207/2001

    JOAO BATISTA ESCORCIO DE CERQUEIRA

    160.002688/1999

    JOAO FRANCISCO LIMA ME

    160.000692/2001

    JOAO MACHADO DE LIMA ME

    160.000236/1998

    JOAO NELITON DE OLIVEIRA  - ME

    160.001482/2001

    JOAO PAULO CESAR COSTA ALVES ME

    160.001200/2000

    JOAQUIM DA ROCHA E SILVA ME

    160.002980/2000

    JOSE ALBERTO DA SILVA MECANICA ME

    160.002265/2001

    JOSE ALBERTO DE ALMEIDA GUERRA - ME

    160.000787/2000

    JOSE ALEXANDRE DE LIMA FILHO ME

    160.001526/2000

    JOSE ALVES PONTES FILHO-ME

    160.002621/1999

    JOSE ARTUR MOREIRA - ME

    160.000449/2006

    JOSE B DA SILVA FILHO MARCENARIA ME

    160.000253/2003

    JOSE BELO FILHO - ME

    160.002608/1999

    JOSE CAETANO DE SOUZA MARINHO - ME

    160.000816/1994

    JOSE CARLOS ALBERTO DA SILVA ME

    370.000433/2009

    JOSE DE ANACLETO DE SOUSA - ME

    160.001329/1999

    JOSE DE SOUZA RIBEIRO ME

    160.001940/2001

    JOSE EDILSON ARAUJO SILVA ME

    160.000798/2000

    JOSE ELIAS CARDOSO DE ARAUJO - ME

    160.001970/2000

    JOSE ELISBERTO DE SOUSA ME

    160.003456/2000

    JOSE FLORENCIO DA SILVA ME

    160.000745/2000

    JOSE HUMBERTO FERREIRA DE PAULA - ME

    160.001206/2001

    JOSE JACKSON GUILHERME ALVES

    160.002631/1994

    JOSE LEIDSON CAMPOS DE CARVALHO

    160.002069/2000

    JOSE MARIA RIBEIRO MELO ME

    160.002808/1999

    JOSE NEWTON DO NASCIMENTO & CIA LTDA ME

    160.002183/2001

    JOSE PEREIRA TORRES ME

    160.000611/1994

    JOSE RIBAMAR COSTA E SILVA ME

    160.001427/2000

    JOSE ROBERTO COSTA ME

    160.002176/1999

    JOSE WILSON DOMINGUES E CIA LTDA ME

    160.001359/1999

    JRS COMERCIO DE FERRAGENS LTDA

    160.002551/1999

    JS PECAS E REGULAGENS LTDA - ME

    160.002039/2001

    JUVENAL BEZERRA LIMA FILHO LTDA ME

    160.000721/1992

    K E R ARTES GRAFICAS E EDITORA LTDA

    370.000323/2009

    K2 ASSESSORIA DE EVENTOS E PROMOÇÕES LTDA

    160.002453/1994

    KEEP CAR REGULADORA LTDA ME

    160.001467/2001

    KELMA ALMEIDA GOMES PEREIRA ME

    160.001441/1999

    KENNEDY MIGUEL RAPOSO DE MELO - ME

    160.000560/1998

    KI GRACA IND E COMERCIO LTDA

    160.000838/1999

    KIBISCOITO BISCOITO CASEIRO LTDA ME

    160.002268/2001

    KITRATO LAVA JATO DE VEICULOS LTDA ME

    160.001451/2000

    L & A BAR E SNOOKER LTDA ME

    160.001730/2000

    L. G. MAGALHAES MACANICA ,LANT. E PINT. ME

    160.002934/1999

    LABORATORIO CARLOS CHAGAS LTDA

    160.000582/2005

    LABORATORIO SABIN DE ANALISES CLINICAS LTDA

    160.000127/2001

    LAJES CASTELO LTDA-ME

    160.000277/2000

    LAJES GLOBO COM.E IND.DE PRE-MOLDADOS LTDA ME

    160.000876/2006

    LANCER DO BRASIL COMERCIO DE BEBIDAS LTDA

    160.001258/1999

    LANCHONETE CELIOS LTDA ME

    160.002608/1994

    LANCHONETE RODRIGUES LTDA ME

    370.000221/2009

    LANTERNAGEM E PINTURA BETAO LTDA - ME

    370.000431/2012

    LAVANDERIA BRISTOL INDUSTRIAL E HOSPITALAR LTDA - EPP

    160.000076/2002

    LAYOUT PROPAGANDA LTDA

    160.000144/2002

    LDC LINHA DIRETA COMUNICACAO S/C LTDA

    160.001286/2000

    LEANDRO PEREIRA MARIANO ME

    160.001470/2001

    LEILA MARIA CAMPELO DE PINHO - ME

    160.000615/2000

    LEOES DE JUDA AUTO PECAS E SERVICOS LTDA ME

    160.002123/2001

    LEOFERTIL COMERCIO E REPRESENTAÇAO LTDA ME

    370.000615/2008

    LG ENGENHARIA E CONSTRUCOES LTDA - ME

    160.001534/1999

    LIDER FORTE MATERIAIS PARA CONSTRUCAO LTDA

    160.000675/2001

    LIDER MAQUINAS REGISTRADORAS E REFRIGERACAO LTDA

    370.000249/2007

    LINDA MULHER DISTRIB DE COSM. E ACESSORIOS LTDA

    160.000673/2001

    LINK CAR VEICULOS LTDA

    370.001052/2009

    LINK CONTABILIDADE E ASSESSORIA LTDA - ME

    160.001524/1999

    LJ PECAS E SERVICOS LTDA ME

    370.001144/2009

    LM MAGALHAES PINTO EPP

    160.001268/2001

    LOBO E LOBO LTDA

    160.002404/1994

    LOJA DAS TINTAS COM E IND LTDA

    160.002049/2001

    LOOK PAINEIS LTDA

    370.000935/2008

    LS IND. E COM. DE COSMT. E PROD. DE LIMPESA LTDA

    160.003416/1999

    LSB VEICULOS LTDA

    160.002908/1999

    LUC FAB AUTO ELETRICA LTDA

    160.003112/1999

    LUCIANO POÇOS E BOMBAS SUBMERSAS LTDA

    160.000423/1999

    LUCIENE LELIS DOS SANTOS

    160.000224/1998

    LUCILIA MARTINS OLIVEIRA ME

    160.001926/2000

    LUIS FERREIRA DA SILVA ME

    160.002750/1994

    LUIS MENDES VIEIRA MECANICA ME

    370.000710/2010

    LUMINA INSTALACOES PREDIAIS -EIRELI

    160.000249/2004

    M DE L DA S COUTO COMERCIO DE SALGADOS - ME

    160.000226/2004

    M S MOVEIS EIRELI  EPP

    160.000143/1994

    M. SOARES DE OLIVEIRA ME

    160.001976/2000

    MADEIREIRA PARATINS LTDA ME

    160.000187/1999

    MADEIREIRA PLANALTO LTDA ME

    160.000847/2001

    MADEIREIRA TUBARAO LTDA ME

    160.002911/2000

    MADEMAC MAD. E MAT. PARA CONSTR. LTDA

    160.000183/2006

    MADENOX COMERCIAL INDUSTRIAL DE ACO E  MADEIRA EIRELI EPP

    160.001612/2001

    MADEREIRA PLANALTO CENTRAL LTDA

    160.001107/2001

    MADEREIRA RIO GRANDE LTDA

    370.000638/2010

    MAIS COM. VAR. ATAC. TRANSP. IMP. E EXP ALIM. LTDA

    160.000509/1998

    MAKKRON INDUSTRIA DE CONFECCOES LTDA

    160.001587/1999

    MALLAGUETAS SERIGRAFIA LTDA-ME

    160.001503/2000

    MAMALUC INSTITUTO DE BELEZA & COSMÉTICOS LTDA ME

    370.000137/2010

    MANOEL MATIAS DA GAMA FILHO - ME

    160.000441/1999

    MANOEL NASCIMENTO TRAJANO ME

    160.002839/2000

    MANUEL MESSIAS CARVALHO LTDA ME

    370.000356/2009

    MAQUINAS TERRA PRODUTOS METALURGICOS LTDA

    160.001046/2001

    MARCENARIA BISPO LTDA-ME

    160.002658/1999

    MARCENARIA CLEONE LTDA - ME

    160.001677/1999

    MARCENARIA SAO JOSE LTDA-ME.

    160.001531/2000

    MARCEONILIO PEREIRA NEIVA - ME

    160.002053/2001

    MARCIA DE OLIVEIRA LTDA ME

    160.000279/1993

    MARCOFORT MATERIAIS E ARTEFATOS DE CONCRETO LTDA

    160.002592/1999

    MARCOS A. C. DOS SANTOS - ME

    160.002093/1999

    MARCOS ALVES CUSTODIOME

    160.003864/1999

    MARCOS KOENIGKAN EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS LTDA

    370.001168/2009

    MARCOS TEIXEIRA RODRIGUES

    370.000872/2008

    MARIA APARECIDA DE FATIMA RODRIGUES ALVES- EPP

    160.002362/2000

    MARIA APPARECIDA DA SILVA PRESENTES ME

    160.000211/2002

    MARIA CELIA GONCALVES DE PAULA - ME

    160.000277/2006

    MARIA DA GLORIA MAGALHAES - ME

    160.001003/2001

    MARIA DAS DORES FRANCISCA DE OLIVEIRA ME

    160.000753/1992

    MARIA DAS VIRGENS MACHADO EUSTOGIO

    160.000859/1999

    MARIA DILMA ELIZIARIO FORTES ME

    160.000757/2006

    MARIA DO AMPARO ROCHA DA SILVA ME

    160.001387/2002

    MARIA GOMES DE SA ME

    160.000539/1994

    MARIA JOSE DE CARVALHO TRAILER ME

    160.001591/2001

    MARIA LIDUINA ALVES PIRES ME

    160.002597/1999

    MARIA LUCIA NOGUEIRA LOPES ME

    160.001541/2001

    MARIA LUCIA RODRIGUES - ME

    160.000051/2004

    MARIA NUBIA MARQUES FERREIRA - ME

    160.001131/2001

    MARIA ONETE ALVES PEREIRA - ME

    160.003017/1999

    MARIA PAULA PACHECO ME

    370.000713/2010

    MARIA ZULEIDE DE QUEIROZ - ME

    370.000220/2009

    MARILIZ LIMA GINEC. OBSTET. ERICKS BLUN LTDA

    370.000081/2009

    MARKA CONSTRUTORA E INCORPORADORA LTDA

    160.001691/2001

    MARLON VIEIRA DE SOUZA - ME

    160.002086/2001

    MARMORARIA SERRA NEGRA LTDA-ME

    370.000451/2008

    MARQUES SERVIÇOS CONTABEIS LTDA  ME

    370.000493/2008

    MARTINS OLIVEIRA PEÇAS E SERVIÇOS LTDA

    160.000391/2000

    MARVIC COMERCIO REPRESENTACOES IMPORTACOES E EXPOR

    160.000100/2005

    MASTROS EMPRESA DE SERVIÇOS GERAIS LTDA

    160.001458/2000

    MATERNIANO ALVES DA SILVA ME

    160.000464/2000

    MAX EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA

    160.000397/2004

    MAX PÃO COMÉRCIO DE ALIMENTOS LTDA ME

    370.000362/2010

    MAXIMUS ATACADISTA DISTRIBUIDOR DE PRODUTOS ALIMENTICIOS LTDA

    370.000330/2012

    MAXXICEL DO BRASIL LTDA

    160.002306/1999

    MC AUTO REGULADORA LTDA ME

    370.000915/2008

    MDA COMERCIO E CONFECCOES DE ARTEFATOS DE PAPEL LTDA ME

    160.002549/2000

    MECANICA AUTOLINOS LTDA ME

    160.000088/1996

    MECANICA DE MOTORES COMOLATTI LTDA - ME

    160.000377/2000

    MECANICA E MOLAS CARVALHO LTDA - ME

    160.001099/2000

    MECANICA E TORNEADORA RIO GRANDE LTDA - ME

    160.000293/2004

    MEDCORPO LASER CENTER LTDA

    160.000460/2000

    MEGA FORTE INDUSTRIA METALURGICA LTDA ME

    160.000493/2000

    MEGAENGE CONSTRUÇÕES E COMÉRCIO LTDA ME

    160.000710/2006

    MEGALUZ ENGENHARIA E REPRESENTACOES LTDA

    160.000292/2005

    MEMRAC MODA JOVEM LTDA ME

    160.000246/1998

    MENDANHA E NEVES LTDA ME

    160.001112/1994

    MENDES FERNANDES R. E SERV. LTDA

    160.003056/2000

    MERCADINHO MATEUS LTDA - ME

    160.001995/1994

    MERCANTIL MATERIAIS DE CONSTRUCAO LTDA

    160.002845/2000

    MERCEARIA JUPITER LTDA - ME

    160.000550/1994

    MERCEARIA PRIMAVERA LTDA

    160.001302/2001

    MERCEARIA PROGRESSO LTDA ME

    370.000385/2009

    MESQUITA SERVICOS DE ALINHAM. E BALANCEAMENTO LDTA

    160.000444/1999

    METAL PLAC IND E COMERCIO DE DIVISORIAS LTDA

    370.000267/2009

    METALURGICA E SERRALHERIA MORAIS LTDA - ME

    160.002803/1999

    METALURGICA JERUSALEM LTDA - ME

    160.002529/1999

    METALURGICA TASSI LTDA

    370.000476/2007

    METHABIO FARMACEUTICA DO BRASIL LTDA

    160.000071/1999

    MEZAN COMERCIO E SERVICOS LTDA

    160.000298/1998

    MFV COMERCIO DE MOVEIS

    370.000201/2012

    MICROCERVEJARIA FALCAO LTDA

    370.000974/2010

    MILANO COMERCIO ATAC. E VAREJ. DE COSMET. LTDA-ME

    160.000225/2006

    MINISTÉRIO P%

    160.002081/2001

    MJ AUTO PECAS LTDA ME

    160.001591/1999

    MJR PEDRAS LTDA

    160.000174/2001

    MODELAINE MARCENARIA LTDA ME

    370.000216/2013

    MODELARTES MARCENARIA LTDA-ME

    160.000637/2000

    MONTEIRO & BARBOSA LTDA - ME

    160.000406/1997

    MOVEIS ACO FORTE IND COM LTDA ME

    160.001930/2001

    MOVEIS LUCA INDUSTRIA E COMERCIO LTDA ME

    370.000657/2008

    MPM COMERCIO VAREJISTA DE GRANITOS LTDA - ME

    370.000293/2010

    MR BRASILIA ESTACIONAMENTO ROTATIVO LTDA

    160.000697/1992

    MUNDIAL MULTISERVIÇOS LTDA ME

    370.000570/2010

    MYRA IMPORT - IMPORTACAO COM. E DISTRIBUICAO LTDA

    160.003853/1999

    MZ CONSTRUTORA LTDA

    160.000770/2006

    N & F SERVICOS DE RECUPERACAO DE CREDITOS LTDA- ME

    160.001864/2001

    N A S YAMAGUTY DA SILVA - ME

    160.001531/1999

    N&V COMERCIO DE VIDROS LTDA ME

    160.003785/1999

    N.A. ROCHA MECANICA - ME

    160.001019/2002

    NAÇOES COMERCIO DE VEICULOS LTDA

    160.000707/2006

    NATURETTO RESTAURANTE NATURAL LTDA

    160.001345/2001

    NEIMAR MIRANDA DE OLIVEIRA ME

    160.002315/1999

    NELSON QUINTINO ALVES-ME

    160.000624/2005

    NENZINHO TRANSPORTES LTDA

    160.002919/2000

    NILTON ALVES DOS SANTOS ME

    160.001408/2001

    NILZA GALDINO CARDOSO GONÇALVES - ME

    160.002864/1999

    NOBEL MOVEIS LTDA

    370.000038/2008

    NOVA ARTE MOVEIS E DECORACOES LTDA

    160.000465/1996

    NOVADATA SISTEMAS E COMPUTADORES S A

    160.002887/2000

    NOVO MUNDO DA BORRACHA

    160.002367/1999

    NOVO VISUAL CABELEREIROS LTDA ME

    160.001789/2000

    NOVOS HORIZONTES LANTERNAGEM E PINTURA LTDA ME

    160.001848/2001

    O.Z PISOS E REVESTIMENTOS LTDA ME

    160.001407/2001

    ODENIR PEREIRA DA SILVA ME

    160.001668/2000

    OESTE GAS DEPOSITO E TRANSPORTE DE GAS LTDA ME

    160.001709/1994

    OFICINA MAURICIO LTDA

    160.002985/2000

    OFICINA MECANICA J.JORGE LTDA ME

    160.000273/1998

    OLIVEIRA E BUENO LTDA ME

    370.000602/2008

    OLIVEIRA PEÇAS E SERVIÇOS LTDA

    160.001553/1994

    OLLIMART LANTERNAGEM E PINTURA LTDA

    160.004205/1999

    OMEGA COMERCIO DE LUBRIFICANTES LTDA

    160.001161/2000

    OP DE ALMEIDA ME

    160.000796/1999

    ORGANIZACAO CONTABIL SANTA LUZIA S/C LTDA

    160.001936/2000

    ORLANDA DIAS PACHECO LTDA ME

    160.001042/2001

    ORLANDO ALVES DE SOUZA LTDA ME

    370.000013/2010

    OSTEOFIX COMERCIO DE PRODUTO MEDICO ODONTOLOGICO LTDA ME

    160.000266/1998

    OSVALDO FELIX DE OLIVEIRA ME

    160.000249/1993

    OSWALDO MENEZES FILHO

    160.003437/1999

    OSWALDO VEICULOS COMERCIO E ACESSORIOS LTDA

    160.001380/2002

    P R DA SILVA QUALINOX  - ME

    160.001955/2000

    PADARIA E CONFEITARIA MISTER PAO LTDA ME

    160.001367/1989

    PAINEIRA CONS URBANISMO LTDA

    160.000733/1994

    PALMA ALMEIDA E ALMEIDA LTDA

    370.000693/2008

    PANAVIDEO TECNOLOGIA ELETRONICA LTDA

    160.000171/2006

    PANIFICADORA BRITO LTDA - ME

    370.000433/2010

    PANIFICADORA E CONFEITARIA DOIS IRMAOS LTDA

    160.001529/2001

    PANIFICADORA E CONFEITARIA ITAGUARU LTDA - ME

    160.003020/1999

    PANIFICADORA E CONFEITARIA MVF LTDA  ME

    160.002152/1999

    PANIFICADORA E CONFEITARIA SARGITARIO LTDA ME

    160.002401/2001

    PAOLA GABRIELLE PEREIRA ME

    160.001255/2001

    PAPELARIA E LIVRARIA LIDER LTDA ME

    160.000073/2000

    PASTELLI INDUSTRIA E COMERCIO LTDA

    160.000419/1998

    PATRICIA SEIXAS ALVES ME

    160.000385/1994

    PAULO ANTONIO DE OLIVEIRA FERRO VELHO

    160.002507/1994

    PAULO GERMANO PEREIRA ME

    160.002837/2000

    PECISTA DISTRIBUICAO E REPRESENTACAO DE AUTO PECAS

    370.000868/2010

    PEDRA DE INOA AGROPECUARIA LTDA

    160.001963/2000

    PEDRO E JORGE FABRICA DE MOVEIS LTDA-ME

    160.000377/2002

    PERCIANAS SUED INDUSTRIA E COMERCIO LTDA

    370.000956/2008

    PH COMERCIO DE CELULARES LTDA - ME

    160.000414/2004

    PILOTO PLANEJAMENTO E COM. DE POLICARBONATOS LTDA

    160.003411/2000

    PIONEIRA DA BORRACHA LTDA

    160.000586/2005

    PIPI ROOM- LOCACAO DE SANITARIOS MOVEIS LTDA-ME

    370.000186/2008

    PJ COMERCIO DE MATERIAIS PARA CONSTRUCAO LTDA - ME

    160.002919/1999

    PLANO PILOTO SERVICOS EDITORIAIS LTDA

    160.002555/1999

    PLASMAQ COMERCIO DE PC E SERVICOS LTDA ME

    111.004853/1990

    PLASTFORTE INDUSTRIA E COMERCIO DE PLASTICOS LTDA

    160.001529/2002

    PODIUM 711 VEICULOS E ACESSORIOS LTDA ME

    160.002591/2001

    POLIFRIOS COMERCIAL DE FRIOS E PANIFICACAO LTDA ME

    160.000007/1997

    POLO ENGENHARIA LTDA

    160.000133/2005

    POLO NORTE EXTINTORES LTDA

    160.001018/2002

    PONTE COMERCIO DE VEICULOS LTDA

    160.001454/2000

    PORTELA & PORTELA LTDA-EPP

    370.000635/2007

    POSSAMAI INDUSTRIA DE MOVEIS LTDA

    160.001018/2001

    PRAIAMAR COM.REP.IMP. E EXPORTACOES LTDA ME

    160.001999/1999

    PRO TELAS COMERCIO INDUSTRIA LTDA ME

    160.000083/1995

    PROCASA MAT PARA CONSTRUCAO LTDA ME

    160.000144/2001

    PROJECO PROJETOS E CONSTRUCOES LTDA

    160.000835/1999

    PROTEGE COBERTURAS E CLIMATIZAÇÃO LTDA ME

    160.000550/2006

    PSIU COMPRA E VENDA DE RECICLAVEIS LTDA  ME

    160.000347/2005

    QUACIL CONSTRUCOES E TERRAPLANAGEM LTDA

    160.001947/2000

    QUATRO PONTO ZERO CONFECCOES LTDA ME

    160.000495/1999

    R J C EQUIPAMENTOS PARA POSTOS DE GASOLINA LTDA

    160.000247/1999

    R&H  ALIMENTACAO E REPRESENTACAO LTDA

    160.000944/1999

    R.S.E. CONFECCOES COMERCIO DE REOUPAS LTDA

    160.001334/2000

    RADIL RADIADORES RIO LIMITADA ME

    160.000545/2006

    RAFA PARTICIPACOES E EVENTOS LTDA

    160.001379/1999

    RAIMUNDO PEREIRA DA COSTA CONTABILIDADE E REP. DIVERSAS

    370.000507/2009

    RAIMUNDO TORNO E SOLDA LTDA - ME

    160.001530/1999

    RANDOLFA RIBEIRO DOS SANTOS

    160.000725/2006

    RAQUEL DA SILVA PACHECO CARVALHO - ME

    370.000689/2008

    RCS CONSTRUCAO E REFORMAS LTDA ME

    160.001951/1999

    REFORCEL ESCAPAMENTO LTDA - ME

    160.003549/2000

    REFRICLEAN LTDA ME

    160.001566/2000

    REFRIPLAN REFRIGERACAO PLANALTO LTDA -ME

    160.002607/1999

    REGINA ALVES DA SILVA ME

    160.003128/2000

    REGINA CELIA GONCALVES ME

    160.002020/1999

    REGULADORA DE MOTORES DIAS LTDA ME

    160.001954/2000

    RENOVA PECAS E SERVICOS PARA AUTOS LTDA EPP

    160.000540/1999

    REPCAR FUNILARIA E REPINTURA LTDA ME

    160.000851/2000

    RESIDENCE ARTIGOS DE DECORACAO LTDA

    370.000707/2010

    RESTAURANTE SAO FRANCISCO LTDA ME

    160.000783/1999

    REVILLE COM. E REFRIGERACAO LTDA EPP

    370.000154/2011

    RICARDO BARRETO CONFECÇÕES LTDA

    160.000113/1999

    RICARDO GONCALVES DE OLIVEIRA ME

    160.003800/1999

    RICARDO GONCALVES RIBEIRO ME

    160.002372/1999

    RIMARS COMERCIO DE MAT P.CONSTRUCAO LTDA - ME

    160.002137/2001

    RIVEA REGINA DE MELO BARROS ME

    160.002805/1999

    ROBERTO BEZERRA MAGALHAES ME

    160.001956/2000

    ROBERTO CARLOS GOMES DA SILVA ME

    160.001115/1994

    ROBERTO MENDONCA DOS SANTOS ME

    160.001006/2001

    ROCHA COMÉRCIO DE EXPOSITORES LTDA ME

    160.000310/2004

    RODRIGUES PRODUTOS GRAFICOS LTDA-EPP

    160.001403/2001

    ROGERIO SAMIR RIBEIRO LTDA ME

    370.000788/2010

    ROMANEL SERVICOS E TRANSPORTES LTDA - EPP

    160.001204/2000

    ROMEU ANDRADE RIBEIRO ME

    160.001452/2000

    ROMILDO MACEDO RAMOS - ME

    160.002946/2000

    ROMILDO MAX DE ALMEIDA ME

    160.001819/2001

    ROSALINA MACHADO DOS SANTOS ME

    160.002860/1999

    ROSALINO DA SILVA DIAS

    160.002863/2000

    ROSENVAL VAZ COSTA ME

    370.001038/2008

    RVA CONSTRUÇÕES E INCORPORAÇÕES SA

    160.001574/2000

    S  M GRAFICA LTDA - ME

    160.002060/1999

    S P TINTAS LTDA

    160.001397/2001

    S S CONFECCAO DE DOCES CASEIROS LTDA - ME

    160.001547/2000

    S. OLIVEIRA DA SILVA - ME

    370.000062/2013

    SALGADO MINEIRO ALIMENTOS LTDA

    160.003006/2000

    SAMUEL JESUS DE ARAUJO - ME

    160.001336/2000

    SAN FRANCISCO RODAS E BOR.LTDA ME

    370.000407/2008

    SANDRA GONCALVES DE OLIVEIRA SANTANA - ME

    370.000606/2010

    SANITECH COM. E TEC. EM HIGIENIZACAO PROFIS. LTDA

    160.000324/2004

    SANTA HELENA URBANIZACAO E OBRAS SA

    370.000481/2010

    SANTANA REPRES. COM. DE PRODUTOS RECICLAVEIS LTDA

    160.000143/1999

    SAO JOSE AGUAS DO BRASIL LTDA

    160.000101/1994

    SÃO LUIZ ENGENHARIA CONSTRUÇÕES E IMPERMEABILIZAÇÕES LTDA EPP

    160.001958/1999

    SAULO E MARCELO PECAS E SERVICOS LTDA ME

    160.003080/1999

    SCRITA CONTABILIDADE LTDA ME

    160.000916/2006

    SDW CONSTRUCOES E REFORMAS LTDA

    160.001835/2000

    SEBASTI?O DOS SANTOS AMARAL - ME

    160.002161/1999

    SEBASTIAO FAGUNDES VIEIRA - ME

    160.001459/2000

    SEBASTIAO PEREIRA LIMA ME

    160.001942/2000

    SERGIO RICARDO MORAIS ME

    160.002516/1999

    SERGIO RICARDO NUNES TEJERO - ME

    160.000433/1999

    SERIPLASTIK PLASTICOS PADRONIZADOS LTDA

    160.000195/2006

    SERONE AUTO PECAS LTDA

    160.002031/1994

    SERRAFER ESQUADRIAS METALICAS ME

    370.001081/2009

    SERRALHERIA MAYA LTDA

    160.002435/1994

    SERRALHERIA RN LTDA-ME

    160.002759/1999

    SERRALHERIA SEVERO LTDA ME

    160.003938/1999

    SERTERRA TRANSP.ESCAV.TERRAPLENAGEM E PAVIMENTAÇÃO

    370.000444/2011

    SERVI SAN VIGILANCIA E TRANSPORTE DE VALORES LTDA

    160.000114/1999

    SHOPPING DO LEITE LTDA ME

    370.000219/2010

    SHOX DO BRASIL CONSTRUCOES LTDA

    160.001162/1989

    SI COMER E IND  DE CONFEC  LT

    160.001169/2001

    SILVA ALVES & ALVES LTDA ME

    160.001110/1999

    SILVIA ELENA LEONARDO DE SOUZA - ME

    370.000655/2008

    SIMOES & OLIVEIRA COMERCIO DE COSMETICOS LTDA ME

    160.000616/2006

    SINA SERVICOS DE INFORMATICA LTDA

    160.002244/1999

    SKIMO COMERCIO DE ARMARINHOS LTDA ME

    160.004189/1999

    SO CASA COM.DE TAPETES LTDA ME

    370.000428/2007

    SO PUREZA COMERCIAL DE ALIMENTOS LTDA

    160.001814/2002

    SOBESA IND. DE ALIMENTOS SANTANENSE LTDA

    160.001580/2000

    SOLUÇÕES CONTRUÇÕES E REFORMAS LTDA

    160.000100/1995

    SONIA DE BARROS GARCAO ME

    160.000249/1994

    SONIA MARIA DOMINGOS

    370.001013/2008

    SOUZA NEVES & CIA LTDA

    160.001622/2001

    SPARTA AUDITORIA E CONSULTORIA CONTABIL S/S - EPP

    160.000484/1999

    SR COMERCIO DE ARTIGOS E VESTUARIOS

    160.004099/1999

    STRONGER CONTABILIDADE S/C LTDA

    160.000543/1989

    SUCESSO PORTAS PERSON LTDA

    160.001720/2000

    SUPER SACOLAO DE FRUTAS E VERD BOA SAFRA LTDA ME

    370.000348/2010

    SUPERPESO TRANSPORTES ESPECIAIS LTDA

    370.000701/2008

    SUPREMA COMERCIAL DE ALIMENTOS LTDA

    160.000276/2003

    SYS PARTICIPACOES S/A

    370.000191/2008

    T & T COMERCIO E SERVICOS LTDA - ME

    370.000221/2008

    TAC TRANSPORTE ARMAZENAGEM E LOGISTICA LTDA

    160.000159/2006

    TAGUATI-SUL TRANSPORTES LTDA

    160.001062/2000

    TAPECARIA E CAPOTARIA ANDRADE LTDA ME

    160.002982/2000

    TAPECARIA LESTE SUL LTDA - ME

    160.000097/2001

    TBR GONCALVES DE ALCANTRA - ME

    160.000625/2006

    TC GRAFICA E EDITORA LTDA EPP

    370.000247/2010

    TEC CONSTRUTORA LTDA

    160.000389/2000

    TECCON SA CONSTRUCAO E PAVIMENTACAO

    370.000350/2009

    TECHLAV TECNOLOGIA LAVAGEM E ESTERILIZACAO S/A

    160.000331/2005

    TECNICA CONSTRUCAO COMERCIO E INDUSTRIA LTDA

    160.002073/1999

    TELMA ABADIA GROSARA - ME

    160.003930/1999

    TERCON BRASILIA TERRAPLENAGEM E CONSTRUCAO LTDA

    160.002709/1994

    TEREZINHA CAVALCANTI DE ALMEIDA GALDINO - ME

    160.000672/2000

    TERRA BRASIL COSTRUCOES E REFORMAS LTDA ME

    160.001407/1999

    TERRA TERRAPLENAGEM LTDA ME

    370.000177/2009

    TOM GRAFICA EDITORA LTDA

    160.000961/2001

    TOPOCART-TOPOGRAFIA ENG. E AEROLEVANTAMENTOS LTDA

    160.001311/1999

    TORNEADORA PARANA LTDA ME

    160.001318/1999

    TORRE FORTE MATERIAIS PARA CONSTRUCAO LTDA ME

    160.001811/1999

    TRANSBABY TRANSPORTE ESCOLAR LTDA ME

    160.002964/2000

    TRANSLUSA  TRANSPORTES LTDA

    160.003921/1999

    TRANSPAV TRANSPORTES E PAVIMENTACOES LTDA

    370.000826/2010

    TRANSPORTADORA DF LTDA ME

    160.001245/1999

    TRANSPORTADORA E COMERCIO BRASILIENSE LTDA

    370.000517/2010

    TRANSREAL TRANSPORTES TURISMO E SERVICOS LTDA - ME

    370.000882/2009

    TRANSREY TRANSPORTES DE GARGAS LTDA

    160.003838/1999

    TRANSTERRA DE BRASILIA LTDA

    370.000480/2013

    TRIELHT INDUSTRIAL E PARTICIPACOES SA

    160.001537/2001

    TRINDADE E RIBEIRO LTDA ME

    160.000798/2001

    ULTRA RAPIDO GRAFICA LTDA

    370.000916/2009

    UNIQUE BRASIL GRAFICA EDITORA E TURISMO LTDA - ME

    160.003001/2000

    USECLEAN INDUSTRIA E COMERCIO DE PROD. DE LIMP. LTDA

    160.000997/2000

    UTILER UTILIDADES DE LEITURA E ESCRITA  LTDA EPP

    160.002922/1994

    V & M CONFECÇÕES E SALÃO DE BELEZA LTDA ME

    160.001148/2001

    V G INDUSTRIA E COMERCIO DE CONFECCOES LTDA

    160.000367/1996

    V.L RODRIGUES-ME

    160.001234/2000

    VALDIR JOSE DE ARAUJO ME

    160.001439/2000

    VALDIRON GONCALVES PEREIRA ME

    160.000331/2006

    VALMEC PECAS E SERVICOS AUTOMOTIVOS LTDA - ME

    160.001467/2000

    VALMIR DE SOUZA NUNES ME

    160.002296/1999

    VALMIR EMANOEL MEDEIROS - ME

    160.001434/2000

    VANDERLEI GUILHERME RAIMUNDO - ME

    160.001971/2000

    VANESSA TINTAS LTDA -ME

    160.002741/1999

    VANIA DE JESUS RODRIGUES LTDA ME

    160.001823/1999

    VANTUIR JOSE RODRIGUES ME

    160.000391/2002

    VASERTEL SERVIÇOS TELEFONICOS E ELETRICOS LTDA ME

    160.002291/1999

    VEREDAS TINTAS LTDA ME

    160.000608/2006

    VERSACE SERVICOS DE INFORMATICA LTDA

    160.000418/2002

    VIA AUTO VEICULOS LTDA

    160.000392/2000

    VIA ENGENHARIA S/A

    160.001157/2001

    VIDALCAR AUTO CENTER LTDA

    160.000212/1999

    VIDRAUS COMERCIO DE VIDROS LTDA ME

    160.000379/2000

    VIDROFORT COMERCIO DE VIDROS LTDA - EPP

    160.002981/1999

    VIDROJATO COMERCIO DE VIDROS LTDA

    370.000306/2013

    VIDROMEXICANO COMERCIO DE VIDROS LTDA - EPP

    160.003870/1999

    VIOLATO ENGENHARIA E COMERCIO LTDA

    160.001460/2000

    VIRGILIO BRAZ DOS SANTOS - ME

    370.000076/2009

    VIZINHANCA MATERIAIS DE CONSTRUCAO LTDA

    370.000900/2009

    VOETUR CARGAS E ENCOMENDAS LTDA

    370.000039/2007

    VOTORANTIM CIMENTOS BRASIL LTDA

    160.001583/2000

    W R SOUZA - ME

    160.001383/2000

    WANDERLEY ALVES DE MORAIS ME

    160.002440/1999

    WEDEN DOUGLAS RODRIGUES DE ALMEIDA FELACIO ME

    160.002684/1994

    WELLINGTON SILVA SOUSA ME

    160.002530/2001

    WELTON DOS SANTOS PEREIRA ME

    370.000944/2009

    WGS DISTRIBUIDORA DE AUTO PEÇAS LTDA

    160.000875/1999

    WILLIAN COSTA SILVA ME

    160.000233/2000

    WILSON RIBEIRO DE SOUZA - ME

    370.000329/2012

    WMA COMERCIO E SERVIÇOS DE ESTRUTURAS METALICAS LTDA-ME

    160.003187/1999

    WOLMARIA DINIZ NOGUEIRA DE ALMEIDA - ME

    160.000377/1999

    WPL COMERCIO INDUSTRIA, IMPORTACAO E EXPORTACAO

    160.001133/1990

    WRJ ENGENHARIA LTDA

    160.001745/2000

    YASMIM PRODUTOS ALIMENTICIOS LTDA

    160.001173/2000

    Z R OFICINA MECANICA DE AUTO LTDA

    160.000356/2000

    ZORAILDE MARIA DOS REIS -ME

     

    2019-12-09 22:15:46 - Sem Categoria
  • Terracap dá sequência à PPP do autódromo

    A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) anunciou, na tarde desta segunda-feira, 18 de novembro, o resultado final da fase de habilitação da concorrência para a Parceria Público Privada do Autódromo Internacional de Brasília. Prossegue no processo licitatório o Consórcio RNGD Consultoria de Negócios LTDA e Rígido Engenharia LTDA. Também na oportunidade foram abertos os envelopes com as propostas técnica e econômica. A sessão pública foi realizada no edifício-sede da Agência.

    "Na próxima fase, a proposta técnica do concorrente habilitado é avaliada por técnicos da Terracap, momento em que serão verificadas detalhadamente se foram cumpridas as exigências do edital e se a proposta atende realmente ao que foi proposto na concorrência pública", explica o diretor de Novos Negócios da Terracap, Sérgio Nogueira. 

    A PPP contempla a reforma e as intervenções na pista, incluindo as defensas (conjunto de equipamentos para garantir a segurança dos carros, dos pilotos e do público), reforma e recuperação do conjunto arquibancadas existentes, entre outros detalhes como a revisão do traçado da pista, criação de circuitos menores, preparação para a área de paddock.

    O investimento total previsto é de R$ 73,17 milhões. Do montante, R$ 38,8 milhões serão destinados às reformas, sendo R$ 24,8 milhões oriundos da iniciativa privada. O aporte público máximo será de R$ 14 milhões.

    As adaptações no Autódromo Internacional de Brasília serão necessárias para que o concessionário atenda aos padrões e às exigências técnicas para a homologação da Federação Internacional do Automobilismo ao FIA 3, que credencia o autódromo a receber eventos nacionais e internacionais, como a Stock car, Track Day, Fórmula Truck; além da FIM B, homologação da Federação Internacional de Motociclismo para eventos de motovelocidade.

    O restante do investimento, R$ 34,3 milhões, corresponde ao Centro de Excelência de Tecnologia e Cultura do Esporte a Motor. No local, haverá a possibilidade de novas instalações multiuso e modulares voltadas para o desenvolvimento do esporte a motor, abrigando oficinas para o trabalho de alta performance, clubes e associações de automobilismo, além de escolas de pilotagem, possibilitando fomento à geração de empregos e formação de novos talentos do automobilismo e da motovelocidade, por exemplo.

    O autódromo será de responsabilidade do concessionário, que receberá pelo aluguel dos espaços e/ou conforme modelo de negócio a ser proposto junto aos promotores de eventos. A Terracap terá de 1,5% a 5% da receita líquida dos tributos gerados pela operação, a depender do desempenho do futuro administrador do autódromo.

    O concessionário promoverá atividades de caráter esportivo, social, cultural, artístico e comercial, recreativo e de lazer, desde que compatíveis com as atividades desempenhadas em um autódromo. As atividades de Drive-in e de kartódromo serão preservadas.

    Entenda o processo licitatório

    A concorrência pública tem por objeto a seleção de pessoa jurídica e/ou consórcio de empresas que, mediante Parceria Público Privada (PPP), realizará a reforma, gestão, manutenção, operação/exploração e modernização do Autódromo, pelo prazo de 35 anos.

    Ainda em dezembro de 2018, os representantes das duas concorrentes – Comercial Calbox Serviços, Comercio Importação e Exportação LTDA; e o Consórcio RNGD Consultoria de Negócios LTDA e Rígido Engenharia LTDA – foram convidados a entregar três envelopes, conforme previsto em edital.

    Já em março deste ano, foi divulgado pela comissão de licitação o resultado da análise do envelope A, que corresponde à averiguação da habilitação jurídica, qualificação técnica, qualificação econômico-financeira, regularidade fiscal e trabalhista das concorrentes. O objetivo da primeira etapa é apurar a idoneidade e capacidade dos licitantes para executar o objeto da licitação a partir dos documentos exigidos no edital.

    Ambas as empresas entraram com recursos administrativos. Após apreciação final, a Terracap habilitou o Consórcio RNGD Consultoria de Negócios LTDA e Rígido Engenharia LTDA, resultado anunciado nesta segunda-feira.  

    O próximo passo consiste na análise da Proposta Técnica apresentada pelo Consórcio, por meio do envelope B. A Proposta Técnica compreende a Metodologia de Operação, o Plano de Requalificação do Autódromo e o Plano de Negócios, analisados por uma subcomissão de qualificação técnica e caráter interdisciplinar.

    Por fim, a última fase será o julgamento do envelope C, também aberto na sessão pública realizada hoje.  Este contém a Proposta Econômica que vai definir o valor de aporte público para revitalização do autódromo e o vencedor da licitação.

    Mais informações e acesso aos documentos da licitação, no link: https://bit.ly/2QuWC21

    Suzana Leite
    Assessoria de Comunicação Social
    Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap)
    ascom@terracap.df.org.br

    2019-11-18 21:24:04 - Cartilhas
  • Mobilidade e tecnologia são destaques na atuação da comitiva brasiliense em Macau



    A convite do Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau, o diretor de Novos Negócios da Terracap, Sérgio Nogueira, participou da 24ª Feira Internacional de Macau (IPIM) e da 24ª Exposição de Produtos e Serviços dos Países de Língua Portuguesa 2019 (PLPEX), realizadas em Macau, na China, de 16 a 22 de outubro.

    Macau tem papel de destaque na economia chinesa. Nos últimos anos, a cidade se desenvolveu e, por consequência, se tornou uma plataforma de serviços de cooperação econômica e comercial entre a China e os países de língua portuguesa.

    Desde 2011, a Terracap passou a exercer a função de Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal na operacionalização e implementação de programas e projetos de fomento e apoio ao desenvolvimento econômico e social do Distrito Federal.

    A prospecção de novos negócios pelo Brasil e fora dele é imprescindível para o estabelecimento de parcerias público-privadas (PPPs), para a constituição de sociedades de propósito específico (SPEs), bem como para a promoção de operações urbanas consorciadas para implantação e desenvolvimento de empreendimentos considerados estratégicos pelo Governo do Distrito Federal. E nesse viés atua a Diretoria de Novos Negócios da Terracap.

    “Foram dias de intenso aprendizado sobre o potencial comercial chinês e de rodadas de negociações. Acredito que faremos grandes avanços e negócios a partir dos encontros viabilizados em Macau. A China já é o maior parceiro comercial do Brasil, maior destino de exportação brasileira por dez anos. Agora, queremos que tragam investimentos, especialmente para o desenvolvimento econômico e social do Distrito Federal”, disse o diretor.

    Como foi a receptividade com a comitiva brasileira?

    Nosso grupo estava dividido entre os empreendedores (representantes do comércio e da indústria) e os representantes do poder público, executivo e legislativo. Foram fechados vários negócios, como a exportação de café e cerveja produzidos no Distrito Federal, por exemplo. No âmbito do poder público, o deputado distrital Rodrigo Delmasso (PR) realizou diversas tratativas legislativas para tornar irmãs Brasília e Macau, com foco na prospecção de negócios entre as cidades e pelo desenvolvimento social e econômico. Como representante da Terracap, iniciei tratativas que podem viabilizar negócios voltados para o desenvolvimento tecnológico do DF, em prol da mobilidade.

    Como os chineses avaliam o potencial de Brasília para investimentos estrangeiros?

    Percebemos que, por se tratar da capital do Brasil, Brasília é vista como grande potencial para investimentos. Apresentei todo o portfólio do Governo do Distrito Federal para os investidores presentes. Além disso, pude iniciar conversas rumo a negócios que devem envolver várias pastas do Executivo, com destaque para tecnologia e mobilidade.

    Quais os principais aspectos para o desenvolvimento de novos negócios se destacaram na programação?

    Tratando de exportação, ficou muito claro que os chineses têm maior interesse na indústria de alimentos. Diversas marcas brasilienses se fizeram notar no evento e fecharam contratos de exportação. Outras marcas brasileiras do setor alimentício foram bem recebidas pelos asiáticos.

    Quando falamos de investimentos no Distrito Federal, várias situações foram estudadas, como, por exemplo, a instalação de uma fábrica chinesa, que ainda não está presente no Brasil, iniciando sua atuação por Brasília, num terreno da Terracap para ser mais específico.

    No âmbito legislativo, acordou-se a criação de um Decreto Legislativo, por meio do deputado distrital Rodrigo Delmasso (PR), tornando Brasília/Brasil e Macau/China cidades irmãs. O que isso significa? Como beneficia o Distrito Federal?

    A irmanação ou geminação entre cidades é a formalização de um vínculo com objetivos específicos, por prazo determinado ou indeterminado. No caso de Macau, o objetivo é estimular a cooperação técnica e legislativa para o desenvolvimento econômico, tecnológico e de mobilidade urbana no DF. Todas as tratativas e a assinatura do protocolo foram realizadas pelo vice-presidente da CLDF, deputado Rodrigo Delmasso (PR), durante o evento.

    Diretoria de Novos Negócios
    Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap)
    dineg@terracap.df.org.br

    2019-10-25 18:27:31 - Cartilhas
  • Parque Tecnológico de Brasília sedia evento sobre cibersegurança

     

     

     

    A BioTIC S/A – Parque Tecnológico de Brasília realizou nesta segunda-feira, 23 de setembro, o tech talk “Cibersegurança: usuários, corporações e nações sob ataque. O evento, promovido em parceria com o Metrópoles e a Revista Época, reuniu os maiores especialistas do País para debater questões sob três diferentes prismas: internautas, empresas e governos.

    Durante a abertura do evento, Gustavo Dias, presidente da BioTIC, comentou que a ideia do seminário nasceu após o The Intercept Brasil ter publicado, em julho passado, mensagens atribuídas ao ministro Sérgio Moro e a procuradores da Operação Lava Jato. “Dados foram colhidos ilegalmente e isso tem acontecido sistematicamente com os internautas, empresas e governos. A segurança digital nesse momento em que tudo é 4.0 é fundamental para que os sistemas estejam protegidos”, falou o presidente do Parque Tecnológico.

    Na oportunidade, o governador Ibaneis Rocha antecipou que está editando um decreto para regulamentar a legislação acerca da segurança da informação nos ambientes de trabalho. Em seu discurso, ele criticou a falta de tecnologia no governo local. “No DF, nós sofremos muito com esta questão tecnológica. Até agora eu não consegui implementar um sistema de folhas e compras que seja totalmente informatizado. É um grande desperdício de recursos e de mão de obra. Precisamos avançar muito”, disse. Ainda segundo o chefe do Executivo, é necessário “que este ambiente de tecnologia que hoje se multiplica dentro da BioTIC, se aprofunde e chegue dentro da máquina governamental”.

    O primeiro tech talk do dia tratou sobre o 5G, IOT e as vulnerabilidades hiperconectadas, com Emilio Simoni, diretor do Dfndr Lab – PSafe, e João Gondim, professor de Ciências da Computação da Universidade de Brasília. Na ocasião, Simoni afirmou que “basta estar conectado para estar vulnerável. “No Brasil, nós temos 30 mil tentativas de clonagem de Whatsapp por mês”, aponta o especialista. O bate-papo circundou em torno do advento da internet 5G e quais implicações a chegada da tecnologia trará para indivíduos, empresas e governo.  Os ciberataques às empresas também foram abordados durante o evento. Já o jornalista especializado em tecnologia Keynote, Pedro Doria, falou em “Privacidade, um luxo na vida digital”.

    Em seguida, o apresentador Rafael Cortez conduziu o painel “Profissão: hacker”, conversando com dois ex-piratas da web que, atualmente, trabalham como consultores de segurança para empresas. Cortez perguntou o que um cidadão pode fazer não ser vítima de um crime virtual. “O que é segredo para você, não coloque na internet”, alertou Wanderley Abreu. Já o ex-hacker João Brasio disse efusivamente: “Senhas fracas e reutilizadas são a primeira porta para os ataques cibernéticos. Se uma empresa vazar seu e-mail e suas credenciais, o atacante vai reutilizá-las em uma infinidade de serviços, até ele receber um “logado com sucesso”. Aí é que toda a tragédia vai começar”, disse.

    A Ciberespionagem: uma ameaça real às nações, com Sandro Süffert, CEO da Apura, presidente ABSec e membro da HTCia e Rodrigo Carvalho, perito de crimes cibernéticos da Polícia Federal, fechou o evento. Ao todo, oito painéis discutiram assuntos inerentes à cibersegurança.

    Durante todo o dia, mais de 400 pessoas participaram dos painéis no auditório do Parque Tecnológico de Brasília. Outros milhares acompanharam a programação pela transmissão ao vivo, no Youtube.

    Parque Tecnológico de Brasília sedia evento sobre cibersegurança

    Suzana Leite
    Assessoria de Comunicação Social
    Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap)
    ascom@terracap.df.org.br

    2019-09-23 21:35:49 - Cartilhas
  • Terracap apresenta projetos em fórum de infraestrutura

    Brasília sedia até esta sexta-feira, 2 de agosto, a 17ª edição do Fórum Anual de Liderança em Infraestrutura da América Latina. O evento, uma iniciativa da empresa norte-amerciana de Infraestrutura CG/LA, tem por objetivo de identificar as melhores oportunidades de projetos para o crescimento do Brasil e da América Latina. O BioTIC – Parque Tecnológico de Brasília e a Nova Saída Norte, ambos projetos da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), foram apresentados à plateia de empresários presentes no Centro de Convenções do Brasil 21.

    O diretor de Novos Negócios da Terracap, Sérgio Nogueira, participou do painel: A nova visão de Brasília – projetos estratégicos para crescimento de longo prazo. Na ocasião, Nogueira falou da Nova Saída Norte. O eixo viário está previsto no Plano Diretor de Transporte Urbano e Mobilidade do Distrito Federal – PDTU/DF e tem por finalidade abarcar um sistema de transporte público coletivo em faixas exclusivas para ônibus, responsável por conectar a região de Sobradinho ao Plano Piloto, por intermédio da quarta ponte sobre o Lago Paranoá.

    Paralelamente à solução de transporte multimodal, a implantação da via é pensada como uma solução de desenvolvimento urbano e econômico, ao possibilitar o acesso à nova vertente de ocupação da região norte do DF, com a implantação da segunda etapa do Setor Habitacional Taquari. 

    “A Terracap estima que sejam criadas 200 unidades imobiliárias, em pagamento pela construção do sistema viário e da infraestrutura do bairro. Essas unidades poderão gerar um VGV [Valor Geral de Vendas] para o empreendedor na ordem de R$ 25 bilhões. Ou seja, é uma obra muito interessante para o Estado e para o setor privado”, antecipou o diretor.

    Também na ocasião, o presidente da BioTIC S/A, subsidiária integral da Terracap, apresentou o projeto do Parque Tecnológico de Brasília. Trata-se de o principal polo de desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação do Distrito Federal, que viabilizará a instalação de diversas empresas, além de instituições de pesquisa e centros de inovação.

    “O Parque Tecnológico situa-se uma área privilegiada para quem quer investir em empresas de inovação e tecnologia”, comentou Dias. Ele convidou os presentes a conhecer pessoalmente o BioTIC, na sexta-feira, 2 de agosto, em uma visita guiada. “Nós iremos detalhar o fundo imobiliário, como serão feitos esses investimentos e como os senhores poderão lucrar sobre eles. Ressalto que é um dos oito projetos prioritários do GDF”, finalizou.

    O painel A Nova Visão de Brasília contou, ainda, com a apresentação dos projetos: Gasoduto do Brasil Central, pelo secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ruy Coutinho; Implantação de Veículo Leve sobre Trilhos – VLT na Via W3, pelo secretário de Estado de Transporte e Mobilidade, Valter Casimiro; Sistema Produtor de Água Corumbá, pelo coordenador do Projeto na Companhia de Saneamento Ambiental (Caesb), Antonio Luís Harada; Privatização da Companhia Energética de Brasília (CEB), pelo  diretor-presidente da CEB Holding, Edison Antônio Costa Britto Garcia; Privatização da Caesb, pelo presidente da Companhia, Carlos Augusto Lima Bezerra. Já o secretário de Estado de Governo, José Humberto Pires, fez a moderação do painel.

    O próximo Fórum de Liderança de Infraestrutura é o norte-americano, que será realizado em Washington, em outubro próximo.

    Suzana Leite
    Assessoria de Comunicação Social
    Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap)
    ascom@terracap.df.org.br

    2019-08-01 21:04:42 - Cartilhas
  • Brasília caminha para ser cidade inteligente com testes permanentes de 5G

    O Distrito Federal caminha para atuar com protagonismo tecnológico no país. Nesta quarta-feira (26), o governador Ibaneis Rocha assinou um acordo que cria o primeiro espaço de teste permanente do 5G no Brasil. A parceria, firmada com a empresa chinesa Huawei e a Biotic S/A, trará um ambiente de inovação para a capital (veja em vídeo abaixo a íntegra do evento).

    “A implementação desse espaço de estudos mostra que a tecnologia está chegando e vem ao encontro do que temos trabalhado desde a campanha: a ideia de cidade digital. Naquele momento das eleições parecia um sonho e agora vem se realizando. Nós vamos implementar o maior parque tecnológico do país”, garante Ibaneis Rocha.

    A cerimônia no Palácio do Buriti contou com a presença do vice-presidente da Huawei, Steven Shenjianfeng; do presidente da Biotic S/A, Gustavo Dias; do secretário de Projetos Especiais, Everardo Gueiros; do titular de Ciência e Tecnologia, Gilvan Máximo; do vice-presidente da Anatel, Emmanoel Campelo; além de outros envolvidos no projeto.

    Para Gustavo Dias, o “parque tecnológico é uma política pública que vai gerar muitos frutos”. No Brasil há três anos, Steven Shenjianfeng, da Huawei, elogiou a adesão do GDF à tecnologia. “Estamos muito felizes com isso. Vamos trabalhar e levar mais inovação para Brasília”, avisa.

    Titulares de secretarias ligadas ao convênio inovador, Gilvan Máximo e Everardo Gueiros comemoraram a chegada da Huawei ao Parque Tecnológico. “Brasília é a número 1 na tecnologia 5G. Vamos fazer dela a primeira cidade inteligente do Brasil e da América Latina”, disse Máximo. Gueiros, por sua vez, pontuou que o DF deu um importante passo para se tornar uma “cidade inteligente de fato”.

    Representante da Anatel, Campelo disse que a agência se orgulha de o Distrito Federal “protagonizar a visão tecnológica com o 5G”. “Não queremos que o Brasil perca esse trem e, por isso, no ano que vem a Anatel estará licitando essas frequências de 5G”, afirmou.

    Parceria
    A conectividade 5G será implementada no Parque Tecnológico de Brasília – Biotic. Os testes vão servir para a futura efetivação do sistema no Brasil e alavancar a criação de startups e empreendimentos inovadores na capital.

    A parceira do GDF no acordo, a Huawei, promoverá seminários, palestras e eventos abertos para a comunidade a fim de divulgar o conhecimento da tecnologia para os brasilienses e ampliar a experiência da quinta geração de internet.

    “Ter uma cidade digital é oferecer mais segurança, porque você tem todos os dados informatizados, a possibilidade de biometria facial, acesso a todos os serviços nas mãos do cidadão pelo celular e também para os serviços públicos, oferecendo agilidade e maior qualidade”, ressaltou Ibaneis.

    Vantagens do 5G
    A tecnologia 5G tem revolucionado a conectividade ao redor do mundo. Ela permite a interação com mais pessoas e objetos ao mesmo tempo, além de fornecer uma navegação mais rápida do que a 4G. A nova rede promete reduzir o tempo de download drasticamente e facilita o conceito de cidade inteligente, com ambientes interagindo simultaneamente, e não somente pessoas.

    A redução no consumo de energia deve atingir 90% em relação às redes 4G atuais.

    De acordo com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (Mctic), no próximo mês será lançado um documento com uma visão de política pública para o 5G. O texto irá dialogar com o Plano Nacional de Internet das Coisas.

    Com informações da Agência Brasília 

    2019-06-26 21:41:56 - Cartilhas
  • BioTIC será primeiro espaço de teste permanente do 5G no país

    Na próxima quarta-feira (26), Brasília sediará a cerimônia de assinatura do acordo entre a Biotic S/A, a Huawei e o GDF para a implementação do primeiro espaço de teste permanente do 5G no Brasil, com tecnologia Huawei, a ser instalado no Parque Tecnológico de Brasília – Biotic. A iniciativa criará um ambiente de demonstração da tecnologia 5G de forma que será possível, com o protagonismo da capital federal, conhecer e vivenciar a chegada desta inovação no Brasil.

    A parceria produzirá mudanças na estrutura econômica do Distrito Federal com a implantação e gestão do Parque Tecnológico de Brasília. A Huawei é uma empresa multinacional chinesa de equipamentos para redes e telecomunicações, fornecedora de soluções de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC).

    Após a implementação, periodicamente serão realizados seminários, palestras e eventos, em atividades abertas para a comunidade e para escolas de Brasília. Haverá disponibilização de equipamentos já adaptados para o 5G, proporcionando  experiência e como será navegar na quinta geração de internet móvel. “Estamos fazendo uma aposta na melhoria da internet em Brasília. Tudo o que for tecnologia de ponta nós vamos apoiar”, disse o governador Ibaneis Rocha.

    Conexão

    Diferente da tecnologia 4G, o 5G possibilitará a conexão simultânea de aparelhos, ou seja, além de maior velocidade na navegação, o usuário poderá conectar até mil objetos em seu aparelho celular. A partir disso, aumentará a possibilidade de inovações tecnológicas, conectando carros, casas e eletrodomésticos via internet. A rede 5G também promete consumir até 90% menos energia do que as redes 4G atuais.

    De acordo com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC), até julho de 2019, será lançado um documento com uma visão de política pública para o 5G. O documento irá dialogar com o Plano Nacional de Internet das Coisas, já que o diferencial do 5G é a conectividade em diversos aparelhos.

    O secretário de Projetos Especiais do DF, Everardo Gueiros, frisa que o Executivo local pretende transformar Brasília “em um berço da tecnologia e do desenvolvimento nessas áreas”. Em uma das frentes, quer incentivar cada vez mais a criação de startups. “Acreditamos que a vinda do 5G dará impulso a esses empreendimentos no Distrito Federal”, ressaltou.

    Conectividade

    Vale ressaltar que a implementação do 5G no Parque Tecnológico de Brasília – Biotic será um teste para a futura efetivação dessa tecnologia no Brasil, o que permite impulsionar as conectividades da internet das coisas (IoT), que se expande cada vez mais e necessitará de redes mais estáveis, sendo o 5G a ponte que conectará todas essas tecnologias de uma cidade do futuro.

    “O governador Ibaneis Rocha determinou que o Parque Tecnológico de Brasília dialogasse com os diversos ecossistemas internacionais de inovação para que o Distrito Federal se torne uma referência nacional nesse tema, atraindo investimento estratégico em pesquisa e desenvolvimento e transforme a matriz econômica regional”, afirmou Gustavo Dias Henrique, presidente da Biotic S/A, sobre as expectativas da chegada do 5G à capital federal. “Esse acordo com a Huawei é uma sinalização clara que queremos participar do que existe de mais inovador”, definiu.

    A cerimônia de assinatura do acordo acontecerá na próxima quarta-feira (26), às 11h, no Palácio do Buriti, e contará com a presença do governador Ibaneis Rocha e de outros representantes do Governo do Distrito Federal, além de uma palestra da Huawei sobre o que é 5G e como essa tecnologia pode contribuir para uma Capital do Futuro.

    Com informações da Agência Brasília

    2019-06-25 13:06:45 - Notícias
  • PPP do Autódromo de Brasília avança para segunda etapa licitatória

     

    A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) habilitou na manhã da terça-feira (12/3) as duas licitantes interessadas em administrar o Autódromo Internacional de Brasília pelos próximos 35 anos, mediante Parceria Público-Privada (PPP). São elas: a Comercial Calbox Serviços, Comercio Importação e Exportação LTDA; e o Consórcio RNGD Consultoria de Negócios LTDA e Rígido Engenharia LTDA. O investimento total previsto é de R$ 73,17 milhões.

     

    O projeto prevê a reforma e as intervenções na pista, incluindo as defensas (conjunto de equipamentos para garantir a segurança dos carros, dos pilotos e do público), reforma e recuperação do conjunto arquibancadas existentes, entre outros detalhes como a revisão do traçado da pista, criação de circuitos menores, preparação para a área de paddock.

     

    Do montante de investimento previsto, R$ 38,8 milhões serão destinados às reformas, sendo R$ 24,8 milhões oriundos da iniciativa privada. O aporte público máximo será de R$ 14 milhões, dependendo do lance final das concorrentes. O critério de julgamento do certame será o de menor valor da contraprestação a ser paga pela Terracap.

     

    As adaptações no Autódromo Internacional de Brasília serão necessárias para que o concessionário atenda aos padrões e às exigências técnicas para a homologação da Federação Internacional do Automobilismo ao FIA 3, que credencia o autódromo a receber eventos nacionais e internacionais, como a Stock car, Track Day, Fórmula Truck; além da FIM B, homologação da Federação Internacional de Motociclismo para eventos de motovelocidade.

     

    O restante do investimento, R$ 34,3 milhões, corresponde ao Centro de Excelência de Tecnologia e Cultura do Esporte a Motor. No local, haverá a possibilidade de novas instalações multiuso e modulares voltadas para o desenvolvimento do esporte a motor, abrigando oficinas para o trabalho de alta performance, clubes e associações de automobilismo, além de escolas de pilotagem, possibilitando fomento à geração de empregos e formação de novos talentos do automobilismo e da motovelocidade, por exemplo.

     

    O autódromo será de responsabilidade do concessionário, que receberá pelo aluguel dos espaços e/ou conforme modelo de negócio a ser proposto junto aos promotores de eventos. A Terracap terá de 1,5% a 5% da receita líquida dos tributos gerados pela operação, a depender do desempenho do futuro administrador do autódromo.

     

    O concessionário promoverá atividades de caráter esportivo, social, cultural, artístico e comercial, recreativo e de lazer, desde que compatíveis com as atividades desempenhadas em um autódromo. As atividades de Drive-in e de kartódromo serão preservadas.

     

    Processo licitatório

    A licitação tem por objeto a seleção de pessoa jurídica e/ou consórcio de empresas que, mediante Parceria Público Privada (PPP), realizará a reforma, gestão, manutenção, operação/exploração e modernização do Autódromo, pelo prazo de 35 anos.

     

    No início dos trabalhos, os representantes das duas concorrentes foram convidados a entregar três envelopes, conforme o edital. Na terça-feira, foi divulgada pela comissão de licitação o resultado da análise do envelope A, que corresponde à averiguação da habilitação jurídica, qualificação técnica, qualificação econômico-financeira, regularidade fiscal e trabalhista das concorrentes. O objetivo da primeira etapa é apurar a idoneidade e capacidade dos licitantes para executar o objeto da licitação a partir dos documentos exigidos no edital.

     

    O próximo passo consiste na análise da Proposta Técnica apresentada pelas interessadas à Terracap, por meio do envelope B. A Proposta Técnica compreende a Metodologia de Operação, o Plano de Requalificação do Autódromo e o Plano de Negócios, analisados por uma subcomissão de qualificação técnica e caráter interdisciplinar.

     

    Por fim, a última fase será a abertura do envelope C.  Este contém a Proposta Econômica que vai definir o valor de aporte público para revitalização do autódromo e o vencedor da licitação.

     

    Mais informações e acesso aos documentos da licitação, no link: https://bit.ly/2XWUD7R

     

    Ascom/Terracap

    (61) 3342-2328/1137

    ascom@terracap.df.gov.br

     

    2019-03-13 18:53:24 - Cartilhas
  • 3° Diálogo BioTIC discute a inovação tecnológica na Segurança Pública

    Brasília, 18/12/2018 - O 3° Diálogo BioTIC, realizado na manhã da última quinta-feira (13), discutiu a inovação tecnológica e como ela pode otimizar a segurança pública brasileira, com soluções inteligentes e eficientes. O evento realizado pela BioTIC S.A. foi apoiado pela Terracap e ocorreu no Espaço Sebraelab do Edifício de Governança da BioTIC.

    Em formato de arena, estabelecendo assim um diálogo entre especialistas, gestores públicos, empresas e demais interessados em segurança pública, o evento também buscou identificar os principais desafios e oportunidades para a área de segurança pública, em particular, os temas, tendências e perspectivas do que há de mais moderno no cenário mundial.

    De acordo com os organizadores, é essencial estimular a colaboração entre diferentes atores, aproximando-os, gerando conhecimento, novas soluções, metodologias e intercâmbio de ideias.

    Segundo Hideraldo Almeida, diretor de Negócios, Ciência, Tecnologia e Inovação da BioTIC S.A., a segurança pública é prioridade nacional para a população, por isso dá importância da criação de novas tecnologias que auxiliem as políticas públicas relacionadas a esse tema. “Nós precisamos construir soluções e o BioTIC está aqui para isso, juntar atores que possam desenvolver novas tecnologias que auxiliem o Estado a melhorar o serviço de segurança pública prestado para a população”.

    Subsidiária integral da Terracap, a BioTIC S.A. foi criada para a implantação do Parque Tecnológico de Brasília - BIOTIC, projeto com foco na inovação em Biotecnologia e Tecnologia da Informação e Comunicação. O BioTIC será o principal polo de desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação do Distrito Federal. O projeto viabilizará a instalação de diversas empresas, além de instituições de pesquisa e centros de inovação. Para essa finalidade, foram disponibilizados 95,9 hectares de propriedade da Terracap, com possibilidade de expansão.

    “A Terracap dá todo apoio a essa iniciativa, pois além de ser uma companhia imobiliária, ela também é uma agência de desenvolvimento, e é nesse sentido que temos dedicado tempo e esforços para esses novos projetos de grande relevância, não só local, mas também nacional”,afirma o Diretor Técnico e representante da Terracap, Carlos Leal.

    Representantes de instituições apoiadoras do evento também estiveram presentes no debate. Participaram os representantes da Associação Brasileira das Instituições de Pesquisa Tecnológica e Inovação - ABIPTI, do sistema Fibra, do Sebrae, do Governo do Distrito Federal - GDF, da ISOS, do Instituto Federal de Brasília e do Serviço Federal de Processamento de Dados – SERPRO.

    No evento, o SERPRO também assinou um termo de cooperação técnica entre a empresa pública e o BioTIC S.A. ao término do evento.

    “Essa troca de experiência e discussões são fundamentais para o projeto Parque Tecnológico BioTIC, que já é uma realidade. A participação de todas essas entidades aqui representadas é fundamental para nos orientar por qual caminho devemos seguir a partir de agora”, conclui Leal.


    Ascom/Terracap
    61-3342-2328/1137
    ascom@terracap.df.gov.br

    2018-12-18 17:36:28 - Cartilhas
  • Projeto Terracap Digital Moderniza Atendimento ao Cliente

    IMG 3465

     

    Serviços como o acesso à Declaração de Nada Consta e a entrega de propostas no âmbito do Programa de Venda Direta já podem ser realizadas pelo site da empresa de forma mais ágil

    Filas enormes e demandas que ainda necessitam da presença do cliente na empresa para serem atendidas são situações que podem ser evitadas. A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) sabe disso e busca, desde 2016, desburocratizar ainda mais os seus processos internos e melhorar o atendimento, com soluções que estão a um clique de distância.

    O Projeto Terracap Digital objetiva, justamente, oferecer a possibilidade de o cliente ter acesso aos serviços da empresa de forma digital. No terceiro Café com TI, que ocorreu em 7/12, no auditório da empresa, a Coordenação de Informática (Codin) apresentou as atualizações realizadas nos sistemas da empresa não apenas para dar mais qualidade no atendimento, como também para aumentar a produtividade dos empregados.

    A novidade apresentada vai beneficiar os moradores de áreas a serem regularizadas. No próximo edital do programa da venda direta, o cliente poderá preencher a proposta e localizar o seu imóvel pelo site da empresa. Automaticamente, será enviado um e-mail com a documentação que ele precisa entregar presencialmente. Isso vai evitar filas e tornará o atendimento mais ágil.

    De acordo com Clayton Carneiro, chefe da Codin, o próximo passo é permitir que o cliente faça o upload dos documentos. A expectativa é de que essa funcionalidade esteja disponível em abril de 2019. “Precisamos tirar o cliente de dentro da empresa. Oferecer os melhores serviços para ele, de maneira digital. Para que ele não tenha que se deslocar até aqui para entregar a proposta da venda direta”, afirma.

    A automação na conferência da escritura também foi outro avanço. A gerência comercial tem três empregados exclusivos para a conferência de escrituras. Um empregado leva trinta minutos para conferir um documento. Com a modernização implantada, o sistema fará a conferência de 20 escrituras em um minuto. A meta é que o prazo da entrega da escritura passe de seis meses para 80 dias.

    Além dessas atualizações, a Terracap também disponibilizou anteriormente o aplicativo da empresa para dispositivos móveis. Por meio desse app, o cliente consegue se cadastrar para participar do Programa da Venda Direta, localizando o imóvel pelo GPS.

    Outros serviços ainda serão implantados de forma digital. Entre eles encontram-se a solicitação de demarcação, Gestão do Patrimônio Imobiliário, demarcação de lotes a aquisição de sistema de gestão. “O objetivo é tornar a Terracap 100% digital”, conclui Clayton Carneiro.

    O Café com TI é um evento promovido internamento pela Codin, que ocorre a cada três meses. O objetivo é tornar público os avanços da Tecnologia da Informação na empresa.

    Ascom/Terracap

    3342-2328/1137

    ascom@terracap.df.gov.br

     IMG 3448

    IMG 3456

    IMG 3485

    IMG 3491

    IMG 3494

    IMG 3522

     

    2018-12-13 14:39:20 - Notícias
  • Licitação Pública Autódromo

    EDITAL PARA CONTRATAÇÃO, EM REGIME DE PARCERIA PÚBLICO PRIVADA, MODALIDADE CONCESSÃO ADMINISTRATIVA, DA REFORMA, GESTÃO, MANUTENÇÃO, OPERAÇÃO/EXPLORAÇÃO E MODERNIZAÇÃO DO AUTÓDROMO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA

     A COMPANHIA IMOBILIÁRIA DE BRASÍLIA - TERRACAP, torna público, para conhecimento dos interessados, que realizará LICITAÇÃO sob a modalidade de Concorrência, do tipo MENOR CONTRAPRESTAÇÃO PÚBLICA, sob o regime de PARCERIA PÚBLICO PRIVADA, a fim de selecionar Concessionária para a reforma, gestão, manutenção, operação/exploração e modernização do AUTÓDROMO INTERNACIONAL DE BRASILIA.

    Para mais informações faça o download do Edital e dos Anexos, localizado no final desta página.

     

    1. OBJETO DA LICITAÇÃO

    Esta licitação tem por objeto selecionar pessoa jurídica e/ou consórcio de empresas que, mediante Parceria Público Privada, promoverá a reforma, gestão, manutenção, operação/exploração e modernização do AUTÓDROMO INTERNACIONAL DE BRASILIA, localizado no Setor de Recreação Pública Norte, em Brasília/DF, conforme Mapa “D” do Anexo 13 do Edital, pelo prazo de 35 (trinta e cinco) anos, e promoverá atividades de caráter esportivo, social, cultural, artístico e comercial, recreativo e de lazer, desde que compatíveis com as atividades desempenhadas em um autódromo ou acessórias à atividade principal, na
    forma da Lei Complementar nº 946, de 11 de setembro de 2018 e demais legislação vigente.

     

    2. VALOR DO CONTRATO

    Valor Estimado do Contrato de Concessão é de R$ 73.176.202,26 (setenta e três milhões, cento e setenta e seis mil, duzentos e dois reais e vinte e seis centavos), que diz respeito a soma referencial do Aporte Público, dos investimentos na pista, arquibancadas e Centro de Excelência de Tecnologia e Cultura do Esporte a Motor.

     

    3. REMUNERAÇÃO

    Nos termos da Lei Distrital nº 3792, de 02 de fevereiro de 2006, Lei Federal nº. 11.079, de 30 de dezembro de 2004, suas alterações e demais legislações aplicáveis, a Concessão contempla Contraprestação, na forma de Aporte de Recursos por parte da Concedente em favor da CONCESSIONÁRIA, em consonância com o Cronograma Físico Financeiro, Anexo 11 do Edital, bem como o direito às receitas advindas das demais áreas passíveis de exploração comercial.

     

    4. CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO NA LICITAÇÃO

    Poderão participar da presente Concorrência todas as empresas interessadas que comprovarem possuir os requisitos mínimos exigidos neste Edital.

     

    5. VISITA TÉCNICA

    Os LICITANTES interessados poderão participar, às suas expensas, de visita técnica à Área Objeto da Concessão e a suas cercanias, para verificação das condições locais. As visitas técnicas serão coordenadas e acompanhadas pela Terracap (Concedente) devendo os licitantes manifestarem seu interesse em participar, mediante requerimento encaminhado à COPLI por meio de envio de correio eletrônico para os endereços de e-mail parcerias@terracap.df.gov.br e copli@terracap.df.gov.br, a ser encaminhado até 10 (dez) dias úteis antes da data de entrega dos envelopes, nos moldes a seguir.

     

    6. INFORMAÇÕES GERAIS

    • A sessão pública da licitação foi reaberta no dia 18 de novembro de 2019 (segunda-feira), às 15h, no Auditório do Ed. Sede da Terracap, dando prosseguimentos aos trabalhos inerentes à Concorrência Pública.
    • A sessão pública da licitação foi reaberta no dia 07 de junho de 2019 (sexta-feira), às 9h,  no Auditório do Ed. Sede da Terracap, dando prosseguimentos aos trabalhos inerentes à Concorrência Pública;
    • A sessão pública da licitação foi reaberta no dia 12 de março de 2019 (terça-feira), às 9hno Auditório do Ed. Sede da Terracap, oportunidade em que foi comunicado o resultado da primeira fase de habilitação, momento também no qual foi dado prazo de cinco dias para os licitantes apresentarem recursos caso achem oportuno;
    • A sessão pública foi reaberta no dia 30 de janeiro de 2019 (quarta-feira), às 9h, no Auditório do Ed. Sede da Terracap, oportunidade em que foi divulgado o relatório de análise e julgamento dos documentos de habilitação (envelope A);
    • A entrega das propostas foi realizada no dia 17/01/2019;
    • Caso haja necessidade de esclarecimentos e/ou informações favor entrar em contato por meio do e-mail dineg@terracap.df.gov.br
    • As Audiências Públicas do Autódromo foram realizadas nos dias 14/06/2018 e 18/10/2018. Para mais informações, acesse aqui.
    • A Consulta Pública do Autódromo foi realizada no período de 14/06/2018 a 30/10/2018. Para mais informações, acesse aqui.

     

    2018-11-29 17:14:16 - Sem Categoria
  • Autódromo

     

    Para informações sobre a Licitação Pública clique aqui

    Para informações sobre a Consulta Pública clique aqui

    Para informações sobre a Audiência Pública clique aqui

    Para informações sobre o Procedimento de Manifestação de interesse clique aqui

     

    O Autódromo Internacional de Brasília possui área total de aproximadamente 670 mil m² e está localizado no Centro Esportivo de Brasília, Setor de Recreação Pública Norte (SRPN), região central de Brasília/DF, próximo aos setores hoteleiro e comercial.

    Já recebeu uma série de competições nacionais e regionais, tais como: motovelocidade, F-3, F-Renault, Pickup Racing, Turismo, Kart, arrancada, fórmula Truck, Stock Car e também eventos especiais como shows artísticos, gospel, festivais automotivos, dentre outros. Contudo, desde há alguns anos, a deterioração pelo tempo e falta de manutenção levaram os equipamentos do Autódromo Internacional de Brasília e o próprio circuito à depredação e obsolescência resultando na impossibilidade de seu funcionamento integral.

     

    São expectativas da TERRACAP em relação ao Autódromo Internacional de Brasília:

    • Estruturação de empreendimento financeiramente sustentável e atrativo à TERRACAP e ao parceiro privado, com desoneração da Administração Pública do GDF nas despesas com operação e manutenção do empreendimento e elevado incremento de empregos e na arrecadação tributária do Distrito Federal ;
    • Promoção de eventos dada a grande demanda no Brasil para circuitos homologados esportivos do esporte a motor , culturais recreativos compatíveis com as expectativas da população do Distrito Federal e entorno, que confiram maior visibilidade à cidade de Brasília e potencializem a capacidade de atração de turistas para a capital;
    • Dinamização da utilização da área do empreendimento em todos os dias da semana com disponibilização de atividades e eventos relacionados à tecnologia e cultura voltados aos esporte a motor, além de eventos de entretenimento e recreação nacionais e internacionais sem prejuízo das atividades finalísticas do autódromo, criando um novo polo de convivência e integração social em Brasília;
    • Suporte aos programas sociais em parceria com as Associações , Ligas e entidades voltadas à prática esportiva e demais atividades relacionadas à política de esporte e cultura do DF;
    • Projeção de Brasília no cenário nacional e internacional;
    • Criação de empregos especializados;
    • Retomada do histórico de desenvolvimento de pilotos e de escolas de pilotagem;
    • Diminuição dos rachas nas ruas e contravenções ao proporcionar eventos como arrancada, track day e Drifting, vinculados e dentro de um espaço que ofereça acessibilidade , operação de excelência e segurança.
    2017-12-19 18:18:09 - Projetos
  • Usina Solar Fotovoltaica